Menu
Busca quarta, 15 de julho de 2020
(67) 99647-9098
TJMS julho20
Saúde

Brasil tem 23.473 mortes pelo novo coronavírus, diz ministério

Foram notificados 807 novos óbitos nas últimas 24 horas.

25 maio 2020 - 19h08Flávio, com informações do G1

O Ministério da Saúde divulgou nesta segunda-feira (25) o mais recente balanço de casos e mortes causadas pelo novo coronavírus. Os principais dados são:

23.473 mortes, eram 22.666 no domingo (24)
Foram 807 registros de morte incluídos no balanço em 24 horas
374.898 casos confirmados
Foram 11.687 novos casos incluídos no balanço em 24 horas
153.833 pacientes recuperados (41%)

São Paulo, Rio de Janeiro e Ceará são os três estados que mais registraram casos e mortes pela infecção causada pelo novo coronavírus Sars-Cov-2 no Brasil. Apenas os três estados são responsáveis por mais da metade (54%) das mortes por complicações da Covid-19 no país.

SP: 83.625 casos, 6.220 mortes
RJ: 39.298 casos, 4,105 mortes
CE: 36.185 casos, 2.493 mortes

Segundo o balanço desta segunda, dos mais de 23 mil óbitos, 270 aconteceram nos últimos 3 dias e ao menos 3.742 ainda estão em investigação.


 

Vacinne

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saúde
MP solicita inspeção em frigoríficos no interior
Saúde
Justiça derruba liminar que obriga convênios a cobrirem o teste da Covid-19
Saúde
Primeira no mundo? Rússia está concluindo vacina contra o coronavírus
Saúde
Capital tem cinco novas mortes e MS registra 177 por coronavírus
Saúde
“Só vejo acúmulo de óbitos”, diz Mandetta sobre militares na Saúde
Saúde
Rudel, do Detran, está com coronavírus
Saúde
Mistério no mar: mesmo isolados, 57 marinheiros pegaram coronavírus
Saúde
AO VIVO – Estado atualiza casos de coronavírus
Saúde
Saiba onde terá pediatra ou clínico geral atendendo nesta terça
Saúde
Voluntários podem fazer inscrições para teste de vacina contra Covid-19

Mais Lidas

Polícia
“Encontraram o monstro”, diz primo de Carla sobre assassino
Polícia
Ex-patroa é denunciada por abandono de incapaz que resultou em morte
Saúde
MP solicita inspeção em frigoríficos no interior
Polícia
Comerciante foi morta porque reconheceu voz de ex-funcionário, diz investigação