Menu
Busca quinta, 02 de dezembro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS nov21
Saúde

Enfermeiros cobram melhorias após morte de enfermeira

Enfermeira foi vítima da depressão, que acabou se agravando com a carga horária excessiva de trabalho

07 janeiro 2019 - 16h17Marcos Tenório

Na manhã desta segunda-feira (7) em frete ao Pronto Atendimento (PAM) do Hospital Regional Rosa Pedrossian (HRMS), em Campo Grande, cerca de 100 enfermeiros e técnicos de enfermagem realizarão um ato para lembrar-se da morte da enfermeira Janaína Silva e Souza, que suicidou no início do ano, no dia 2 de janeiro. Durante o ato, a equipe de enfermagem do Hospital enfatizou o luto e homenageou Janaína com uma oração.

A enfermeira foi vítima da depressão, que acabou se agravando com a carga horária excessiva de trabalho. Hoje são 40 horas semanais, fora os plantões eventuais que acabam tirando para poder complementar a renda, pois o piso salarial é muito baixo.

Para se ter uma idéia, hoje o salário inicial de um enfermeiro é de R$ 1.320,00 e a reivindicação da categoria, e que o piso salaria seja de R$ 2.500,00 e com a carga horária reduzida

A reportagem do JD1 Notícias entrou em contato com Presidente do Sindicato de Enfermagem do Município de Campo Grande (SINTE/PMCG), Ângelo Evaldo de Macedo que relatou “o plantão é o que mais corresponde ao ganho do profissional”, ele ainda diz que “você não consegue abdicar dos plantões, porque a remuneração salarial é muito baixa”.

Ângelo ressalta que a categoria quer é a redução de 40 para 30 horas a carga horária, pois as condições de trabalho estão em situação catastrófica, a saúde pública esta passando por falta de vagas nas unidades de saúde, falta de materiais para trabalhar e para os pacientes realizar os exames, esse excesso faz com que o psicológico do profissional fique abalado.

“Doente você não consegue cuidar de doente” afirma Ângelo que ainda diz que há duas coisas perigosas que podem acontecer, uma é a doença e o profissional, porque quanto mais exausto, o raciocínio pode ficar fragilizado e com isso tem que ter muito cuidado pra não errar.

Asa - anestesistas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saúde
Ministério confirma cinco casos da variante Ômicron no Brasil
Saúde
Interior vai receber cirurgias que só eram realizadas na Capital, diz Riedel
Saúde
AO VIVO: Governador lança nova etapa da Caravana da Saúde
Saúde
Sete UPAs não terão pediatras no plantão da manhã e tarde na capital
Saúde
Vacinação contra Covid conta com ação itinerante na Vila Popular
Saúde
Fiocruz investiga possível caso de nova variante do covid-19 no Rio de Janeiro
Saúde
Dose de reforço estará disponível em mais de 40 locais; confira
Saúde
Campanha termina com 41 mil crianças e adolescentes com vacinação atualizadas em MS
Saúde
Covid-19: Mato Grosso do Sul chega a 378.873 mil casos
Saúde
Confira a escala de atendimento infantil nas UPAs e CRSs nesta quarta

Mais Lidas

Brasil
Carteiro é baleado ao fazer entrega em condomínio; assista
Vídeos
Homem se masturba na frente de crianças em condomínio; assista
Polícia
Mulher encontra corpo de bebê escondido em sacola ao descongelar geladeira
Internacional
Perereca suicida? Modelo atira na própria vagina ao gravar vídeo erótico