Menu
Busca sábado, 19 de junho de 2021
(67) 99647-9098
TJMS - Junho21
Saúde

Ministério da Saúde alerta para vacinação contra HPV em adolescentes

No último ciclo, mais de 90% dos municípios brasileiros aderiram ao programa

17 fevereiro 2019 - 14h23Da redação

O reinício das aulas é um período propício para que pais e filhos fiquem atentos à atualização da caderneta de vacinação. A medida evita a ocorrência de doenças entre os adolescentes, como sarampo, febre amarela, caxumba, rubéola e HPV, dentro e fora do ambiente escolar.

O programa "Saúde na Escola", desenvolvido pelos Ministérios da Saúde e da Educação, é uma das iniciativas do governo federal para incentivar a vacinação de alunos. Durante dois anos, as escolas públicas, que aderiram ao programa, desenvolvem ações envolvendo 12 temas variados, entre eles, a atualização da situação vacinal de alunos e professores.

No último ciclo, mais de 90% dos municípios brasileiros aderiram ao programa. As ações envolveram um universo de 20 milhões de estudantes de 85.706 escolas e mais de 36 mil equipes da atenção básica do SUS.

A vacina do HPV, doença transmitida pelo papiloma, vírus humano que causa cânceres e verrugas genitais, atingindo meninos e meninas, só é administrada na adolescência.

Tanto a vacina contra o HPV quanto as demais previstas na caderneta de vacinação estão disponíveis gratuitamente nas salas de vacinação, localizadas nas Unidades Básicas de Saúde de todo o país.

O Centro Internacional de Pesquisas sobre o Câncer vinculado a Organização Mundial da Saúde (OMS) reforçou, esta semana, que a vacina contra o HPV é segura e indispensável para eliminar o câncer de colo do útero.

No Brasil, o câncer de colo de útero é o terceiro tumor maligno mais frequente entre as mulheres, e a quarta causa de morte de mulheres por câncer, segundo, o Instituto Nacional do Câncer (Inca). Foram 16,3 mil novos casos no ano passado e 5,7 mil mortes. No mundo, mais de 300 mil mulheres morrem a cada ano vítimas da doença.

Vai di Vinho

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saúde
Posto de saúde do Tiradentes terá apenas dois médicos para atender pela manhã e tarde
Saúde
Vacinados contra covid-19, podem doar sangue entre dois e sete dias após aplicação
Saúde
Covid: Gestantes com 18 anos ou mais, poderão ser vacinadas
Saúde
AO VIVO: Capital retoma vacinação contra covid após 'pausa' de cinco dias
Saúde
Covid: Mais de 80% do grupo prioritário recebeu 1ª dose da vacina em MS
Saúde
Em 'disputa saudável', Geraldo quer vencer Dória e Paes na vacinação
Saúde
"É preciso dizer não", diz adjunta da saúde sobre festas na capital
Saúde
Covid - Prefeitura abre cadastro para vacinação de adolescentes
Saúde
Vacinação contra a gripe acontece até às 16h45 nesta sexta
Saúde
UPAs tem 41 clínicos e 13 pediatras na manhã desta sexta-feira

Mais Lidas

Saúde
"É preciso dizer não", diz adjunta da saúde sobre festas na capital
Geral
Jovem de 27 anos morre após complicações da Covid-19
Polícia
Serial Killer: polícia encontra carta dizendo que muita gente deveria morrer
Saúde
Covid - Prefeitura abre cadastro para vacinação de adolescentes