Menu
Busca sábado, 07 de dezembro de 2019
(67) 99647-9098
TJMS Dezembro-19
Brasil

Com faca cravada na cabeça, jacaré nada tranquilo em lago

O fato aconteceu na semana passada e a imagem viralizou em todo o mundo

17 junho 2019 - 13h54Mauro Silva, com informações do Jornal Meia Hora

Um aligátor, uma espécie de jacaré comum nos Estados Unidos, foi visto nadando normalmente em um lago na cidade de Warden com uma faca cravada na cabeça. O fato aconteceu na última quinta-feira (13) e logo a imagem viralizou por todo o mundo.

Conforme  Erin Weaver que fez as imagens do animal, o jacaré não aparentava qualquer problema ao nadar. Ele contou que a presença desses animais é muito comum em frente de sua casa, mas é a primeira  vez que viu um com uma faca no crânio.

"Eu o vi nadando e depois o vi virar, como se estivesse nadando na minha direção, e vi algo preso na cabeça dele que parecia uma faca de carne", disse Weaver à ABC.

Policiais locais, responsáveis pelo caso, investigam se o réptil sofreu o ataque de algum morador local. O aligátor é parecido com um jacaré, mas é menor.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Mulher presa por ofender taxista negro responderá por quatro crimes
Brasil
Caso Daniel: Edison Brittes entrou com pedido de prisão domiciliar
Brasil
Brasil reconhece mais de 21 mil venezuelanos em condição de refugiados
Brasil
Simone quer aprovar pacote anticrime ainda este ano
Educação
Consulta aos locais de reaplicação do Enem já está disponível
Brasil
Bolsonaro diz que não pretende privatizar BB e Caixa
Brasil
Mulher é atacada por homem que fingiu estar com carro quebrado
Brasil
Fábio será o relator da PEC que discutirá prisão em 2º Instância
Brasil
Força Nacional atuará na garantia de segurança de indígenas
Brasil
Comissão aprova reforma da Previdência dos militares

Mais Lidas

Geral
Pague Menos faz promoção enganosa e é pega pelo Procon-MS
Polícia
Vídeo: “Bunitinho” morre baleado em operação na favela
Polícia
Imagens fortes - Vídeo mostra dupla execução na fronteira
Polícia
Mulher é espancada ao cobrar dívida de funcionária de salão de beleza