Menu
Busca sábado, 28 de março de 2020
(67) 99647-9098
TJMS topo
Brasil

Contra assédio, 99 dá desconto em corridas à Delegacia da Mulher no Carnaval

A empresa vai subsidiar R$ 20 em corridas que tenham como destino uma das 180 Delegacias da Mulher de todo o país

22 fevereiro 2020 - 15h15Priscilla Porangaba, com informações do 99

A 99 divulgou uma ação inédita para apoiar vítimas de assédio e incentivar denúncias durante o Carnaval. Acontece que a empresa vai subsidiar R$ 20 em corridas que tenham como destino uma das 180 Delegacias da Mulher de todo o país, entre os dias 21 e 26 de fevereiro.

Segundo dados do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), as denúncias de assédio aumentam em 20% na época do Carnaval, e por isso o subsídio será aplicado automaticamente para qualquer corrida que tenha como destino uma Delegacia da Mulher, independentemente de onde o assédio tenha acontecido.

"Este ano, nossa campanha de Carnaval extrapola o próprio serviço e, mais do que apenas levantar uma bandeira, nós vamos entregar um serviço real para a população. Vamos apoiar iniciativas para acolher as vítimas de assédio e dar voz a essa causa, especialmente neste período do ano, em que os casos crescem consideravelmente", afirma Stella Brant, Diretora de Marketing da 99.

Ainda, pelo segundo ano consecutivo, a 99 apoiará a ação Anjos do Carnaval, que integra a campanha #CarnavalSemAssédio e acolhe mulheres e pessoas LGBTQ+ em situações de vulnerabilidade ou que tenham sofrido assédio durante o Carnaval.

Na prática, dezenas de voluntários se espalham pelos principais blocos de rua de cinco capitais brasileiras: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador e Recife.

A 99 também conta com funcionalidades adicionais, como o rastreador de comentários de passageiros e motoristas, deixados após as corridas, que identifica possíveis situações de assédio.

Feito isso, uma equipe especializada avalia as ocorrências para que sejam tomadas as providências - que podem incluir desde o bloqueio (temporário ou permanente) do infrator ao suporte à investigação pelas autoridades policiais.

 

Assembleia - Mais ALEMS

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Estrangeiros em voos interncionais estão proibidos de entrar no Brasil
Brasil
Brasil tem 92 mortes e 3.417 casos confirmados de novo coronavírus
Brasil
João Dória é ameaçado de morte após discutir com Bolsonaro
Brasil
Fábio Trad diz que isolamento vertical, agora, “é crime”
Brasil
Juíza manda soltar Eduardo Cunha por causa do coronavírus
Brasil
Suspensão de cortes de energia; entenda
Brasil
Bolsonaro muda decreto para reabrir as lotéricas em todo o país
Brasil
Mandetta fica, diz mídia de Brasília
Brasil
Em apoio a Bolsonaro, Malafaia questiona: “Coronavírus ou caos social?”
Brasil
“Dignidade está acima de cargo”, recomenda Fábio Trad a Mandetta

Mais Lidas

Justiça
Justiça Federal autoriza Cervejaria Bamboa a fabricar álcool em gel
Geral
McDonalds doa refeições para profissionais da saúde na capital
Justiça
Gilmar Mendes decide manter recomendação de soltar presos devido à pandemia
Saúde
Com três novos casos, MS chega a 31 pessoas com coronavírus