Menu
Busca domingo, 07 de março de 2021
(67) 99647-9098
Brasil

INSS: prova de vida de aposentados é suspensa até fevereiro

Portaria foi publicada hoje no Diário Oficial da União

20 janeiro 2021 - 14h14Matheus Rondon, com informações da Agência Brasil

Os aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que não fizeram a prova de vida entre março de 2020 e fevereiro deste ano não terão seus benefícios bloqueados. Portaria nº 1.266/2021, publicada nesta quarta-feira (20), no Diário Oficial da União, prorroga a interrupção do bloqueio de benefícios para as competências de janeiro e fevereiro, ou seja, para pagamentos até o fim de março.

A prorrogação vale para os beneficiários residentes no Brasil e no exterior. De acordo com a portaria, a rotina e obrigações contratuais estabelecidas entre o INSS e a rede bancária que paga os benefícios permanece e a comprovação da prova de vida deverá ser realizada normalmente pelos bancos.

Realizada todos os anos, a comprovação de vida é exigida para a manutenção do pagamento do benefício. Para isso, o segurado ou algum representante legal ou voluntário deve comparecer à instituição bancária onde saca o benefício. O procedimento, entretanto, deixou de ser exigido em março de 2020, entre as ações para o enfrentamento da pandemia do novo coronavírus, e a medida vem sendo prorrogada desde então.

Desde agosto do ano passado, o a prova de vida também pode ser feita por meio do aplicativo Meu INSS ou pelo site do órgão por beneficiários com mais de 80 anos ou com restrições de mobilidade. A comprovação da dificuldade de locomoção exige atestado ou declaração médica. Nesse caso, todos os documentos são anexados e enviados eletronicamente.

Militares inativos

Também foi publicada no Diário Oficial da União portaria do Ministério da Defesa que também suspende, até 30 de junho, a atualização cadastral para prova de vida de militares inativos, pensionistas de militares, militares anistiados políticos e dependentes habilitados. De acordo com o texto, nesse caso, o bloqueio de pagamentos por falta de realização da comprovação de vida voltarão a acontecer a partir de 1º de julho.

A medida também foi adotada em março do ano passado em razão da pandemia de covid-19 e vem sendo prorrogada.

APP JD1_android

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Preços da gasolina em alta também afetaram os preços do etanol
Brasil
Sortudo pode ganhar na Mega-Sena R$ 22 milhões neste sábado
Brasil
MEC suspende ofício que barrava atos políticos em universidades
Brasil
Rock in Rio é adiado para 2022 no Brasil por causa da pandemia de covid-19
Brasil
Futuro: Brasil deve ter carne feita em laboratório entre 2024 e 2025
Brasil
Matéria-prima para 14 milhões de doses da Coronavac chega em São Paulo
Brasil
Avião com vacinas bate em jumento no aeroporto
Brasil
Saúde inicia entrega de 2,5 milhões de doses da Coronavac aos Estados
Brasil
Brasil tem 1.726 mortes por covid em 24h: novo recorde
Brasil
Justiça de SP quebra sigilo bancário do apóstolo Valdemiro Santiago

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio