Menu
Busca quarta, 17 de julho de 2019
(67) 99647-9098
Cidade

Dono de farmácia é detido após Procon encontrar falsificação e remédios vencidos

A Delegacia de Defesa do Consumidor acompanhou os fiscais do Procon estadual durante fiscalizações a duas farmácias

09 maio 2019 - 08h30Rayani Santa Cruz

Duas farmácias da periferia da capital, tiveram as atividades suspensas e foram autuadas pela falsificação de data de validade de vários medicamentos. O proprietário de uma delas acabou detido.

De acordo com a Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon-MS), as drogarias Do Povo e Brasil Popular localizada na avenida Engenheiro Paulo Frontin, Jardim Los Angeles e avenida dos Cafezais no bairro Paulo Coelho, estavam com inúmeras irregularidades.

Ficou constatado que os responsáveis pelos estabelecimentos, identificados como Aleixo Gonçalves Larrea e a esposa Vanusa suprimiam o prazo de validade de medicamentos vencidos e em seu lugar era colocado adesivos com novo prazo de validade. Tanto que foram encontradas e apreendidas pela fiscalização 421 etiquetas para adulteração pronta para serem fixadas em embalagens de medicamentos vencidos.

A atitude configura flagrante desrespeito à lei federal 8.137/90 que define crimes contra a ordem tributária, econômica e contra as relações de consumo e em seu artigo 7, inciso IX, determina a proibição de vender, ter em depósito para vender ou expor à venda ou, de qualquer forma, entregar matéria-prima ou mercadoria, em condições impróprias ao consumo.

Nas drogarias foram apreendidas centenas de medicamentos diversos, inclusive anti-inflamatórios e analgésicos. Além disso, na Drogaria do Povo foram encontrados cinco carimbos de médicos (psiquiatras e clínicos gerais) de onde se deduz que no local eram realizadas adulterações de receitas. Aleixo Larrea, foi conduzido à sede da Delegacia do Consumidor para prestar esclarecimentos. Os crimes constatados são inafiançáveis e passíveis de pena de detenção de dois a cinco anos.

Roberto Carlos

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cidade
Prefeitura divulga licitação de R$ 1 mi para estações de pré-embarque
Cidade
Reviva libera cruzamento da 14 de Julho com a Mato Grosso
Cidade
Prefeitura conclui pavimentação do Anache
Cidade
Remuneração do profissional convocado pode passar R$ 4 mil
Cidade
Sindicato pede corredor exclusivo para ônibus na Afonso Pena
Cidade
Conselho se reúne para discutir segurança pública na capital
Cidade
Agetran esclarece sobre radar sem sinalização na Antônio Teodorowick
Cidade
Homem é eletrocutado ao tentar fazer “gato’de luz na capital
Cidade
Vídeo – Prefeitura não cumpre promessa e deixa via sem sinalização
Cidade
Prefeitura distribui lotes de 260 unidades habitacionais

Mais Lidas

Polícia
Família encontra adolescente que estava desaparecida
Polícia
Homem é morto a tiros dentro de casa enquanto fumava narguilé
Educação
Desligamento de professores da educação especial preocupa pais
Geral
Sem a OAB sociedade fica desprotegida, diz Mansour Karmouche