Menu
Busca quinta, 01 de outubro de 2020
(67) 99647-9098
Cultura

Norte-americano cria peças que misturam referências a ícones da cultura pop

23 fevereiro 2014 - 05h41Via IG
As obras do norte-americano Hanksy mais parecem memes de internet. E não é por acaso. Há três anos, o artista uniu desenhos que deram fama ao inglês Banksy a imagem do ator mais queridinho dos Estados Unidos, Tom Hanks. Os mashups geraram stencils engraçados e inusitados que, espalhados pelo Instagram, logo se transformaram em viral.

“Claro, a América ama o Tom Hanks e ama o Banksy. Não vou mentir e dizer que não sabia que faria sucesso”, assumiu recentemente ao jornal The New York Times. Mas também não demorou para os grafites saírem da web e chamarem atenção de galeristas de Nova Iorque. Representado pela Krause Gallery, teve os acervos de duas de suas três exposições individuais totalmente vendidos.

Desde que postou a primeira obra, em 2011, o americano vem criando peças que misturam referências e fazem trocadilhos, sempre juntando ícones da cultura pop e citações a outros artistas. Nas suas mãos, as obras mais lembradas de Banksy ganham outra versão, como na famosa “Catch me if you can”, onde o rosto de Tom Hanks faz alusão ao filme "Prenda-me se for Capaz".

Outra conhecida obra de Bansky com manifestante arremessando um buquê de flores foi transformada em Hanks jogando Sr. Wilson, a bola de vôlei que acompanhava o personagem do filme "O Naufrágo".

Unindo bobeiras como essas a sacadas bem humoradas, Hanksy se mantém anônimo, assim como o inglês em quem se inspira. Mas não liga de expor alguns detalhes da sua vida.

Sabe-se, por exemplo, que ele é um ex-estudante de direito de 30 anos, especialista em media social e sócio de um restaurante no Lower East Side, ao sul de Manhanttan.

No começo do mês, chamou alguns amigos para invadir uma casa abandonada no East Village, entre eles Icy and Sot, A.S.V.P. e Gilf!. Juntos, pintaram todas as paredes do imóvel e abriram para visitação por apenas duas horas. A ação foi toda documentada e editada por Nicolas Heller, diretor de videoclipes de hiphop, e pode ser vista no vídeo clicando neste link.
Terra Benta

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cultura
Acontece hoje a 1ª Parada online da Cidadania e do Orgulho LGBTQIA+/MS
Cultura
Feira Central “ressuscita” apresentações musicais nesta quinta
Cultura
Júlio Cocielo se tornou réu na Justiça de São Paulo sob acusação de racismo
Cultura
"Posso ver meus filhos novamente" diz Wesley Safadão após resultado negativo do exame da covid-19
Cultura
Toots Hibbert, a lenda do reggae, morre aos 77 anos na Jamaica
Cultura
Lives: Maiara e Maraísa e Marcos e Belutti agitam esta sexta
Cultura
DJ Danilo Bachega comemora 25 anos de carreira com remix de Lulu Santos
Cultura
Jads e Jadson fazem live hoje
Cultura
Autocine deste domingo tem atração para criançada e com “A raposa má”
Cultura
Carnaval de Corumbá entra para o calendário oficial de MS

Mais Lidas

Cidade
Vídeo - Famílias perdem tudo em incêndio Noroeste; saiba como ajudar
Cidade
Ação une irmãs do MT e MS em prol de animais do Pantanal
Justiça
Acusado de matar a tia com 24 facadas é condenado a 8 anos de prisão
Polícia
PMA autua pecuarista em R$ 10 mil por animais silvestres em cativeiro