Menu
Busca sábado, 27 de fevereiro de 2021
(67) 99647-9098
Governo - campanha estado que cresce - Topo
Esportes

Após ser desclassificada, judoca brasileira assume a culpa

30 julho 2012 - 10h53Johannes Eisele / France Presse

A judoca Rafaela Silva, 20, assumiu o erro pela sua desclassificação nas oitavas de final da categoria até 57 kg dos Jogos Olímpicos de Londres. A brasileira foi desclassificada pelos juízes após aplicar um golpe irregular na húngara Hedvig Karakas.

Rafaela aplicou um golpe em Karakas e os juízes consideraram um wazari. No entanto, os árbitros voltaram atrás na marcação e alegaram que a brasileira pegou nas pernas da adversária. A regra não permite que um atleta ataque direto as pernas do judoca, aceita apenas quando o ato faz parte de uma sequência de golpes.

"O erro foi meu. Eu coloquei a mão [na perna] quando eu vi que ela [Hedvig Karakas] estava descendo", disse Rafaela Silva.

"Fiquei triste. Tinha condições de conquistar uma medalha. Agora é esperar até 2016. É a primeira Olimpíada e serviu de experiência", acrescentou a atleta.

Assim que foi desclassificada, Rafaela começou a chorar ainda no tatame e deixou o local. Depois de mais de uma hora, a atleta retornou para conceder entrevista.

A brasileira havia estreado na competição com vitória sobre a alemã Miryan Roper com dois yuko.

Justo
O coordenador técnico da CBJ (Confederação Brasileira de Judô), Ney Wilson, concordou com a punição aplicada pelos árbitros a judoca Rafaela Silva.

"O resultado foi justo. Na vontade de fazer o golpe, a Rafaela usou a mão para derrubar", disse o coordenador.

"A dor maior é que a derrota é culpa dela. Ela não perdeu porque a adversária era superior. Ela está sofrendo muito, o que é natural até por ser jovem", acrescentou.´

Rafaela Silva e Érika Miranda eram consideradas pela CBJ como favoritas para subirem ao pódio em Londres, mas não conquistaram medalhas. Mesmo assim, a entidade ainda projeta mais duas medalhas até sexta-feira, último dia da modalidade em Londres.

Até o momento, o Brasil faturou duas medalhas na competição. Sarah Menezes conquistou o ouro e Felipe Katadai, o bronze.

Com as duas medalhas conquistadas, o judô se tornou o esporte que mais faturou medalhas para o Brasil em Jogos Olímpicos com 17. Desde 1984, em Los Angeles-EUA, o país conquista medalha em Olimpíada.

Via Folha

Peniel - amigos da pizza

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Horário do jogo decisivo entre Palmeiras e Grêmio pela Copa do Brasil é alterado pela CBF
Esportes
Colorados seguem reclamando de arbitragem em jogo contra o Flamengo
Esportes
Flamengo vence o Inter e assume a liderança a uma rodada do fim do Brasileirão
Esportes
Covid: Aos 71 anos, morre mãe de Ronaldinho Gaúcho
Esportes
São Paulo e Palmeiras duelam em jogo atrasado nesta sexta
Esportes
Santos e Corinthians se enfrentam nesta quarta
Esportes
Dois jogos encerram hoje a 36ª rodada do Brasileirão
Esportes
Flamengo enfrenta Corinthians no Maracanã em busca da ponta da tabela
Esportes
Três jogos abrem neste sábado a 36ª rodada do Brasileirão
Esportes
“Chora Porcú”, sarro em palmeirenses vira faixa em viaduto

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio