Menu
Busca quinta, 01 de outubro de 2020
(67) 99647-9098
Esportes

Barão nocauteia com chute giratório e se aproxima de unificação de título

22 setembro 2013 - 05h47Via Uol
O Brasil continua dono de um cinturão do UFC e não poderia ter sido de melhor maneira. Depois de um primeiro round estudado, Renan Barão acertou um belo chute rodado no rosto de Eddie Wineland e nocauteou o norte-americano, defendendo pela segunda vez o cinturão interino dos galos.

Agora, o potiguar espera a definição sobre a situação de saúde do campeão linear da categoria, Dominick Cruz. Entre o final deste ano e o começo de 2014, Dana White irá questionar o norte-americano se ele tem condições de voltar depois de quase dois anos após sua última luta e um ano e meio se recuperando de duas cirurgias no joelho.

"Cinturão é meu, ninguém tira. Pode vir Dominick, pode vir qualquer um", disse o brasileiro, ainda no octógono. "O chute rodado eu não treino muito para não machucar meus colegas de treino. Mas na luta eu tenho que tentar, e graças a Deus deu certo. Agora pode vir qualquer um".

Se Cruz tiver recuperado e puder enfrentar o brasileiro no início da próxima temporada, eles devem disputar a unificação do cinturão dos galos em fevereiro. Mas se Dominick ainda precisar de mais tempo, ele será destituído como campeão e Barão será anunciado como dono do cinturão de fato. Assim, o vencedor da luta entre Urijah Faber e Michael McDonald pode pensar em uma revanche contra Renan.

Renan Barão também chegou a impressionante marca de 32 lutas consecutivas sem saber o que é perder, com apenas 26 anos. Sua única derrota na carreira foi em sua estreia no MMA, em 2005. Além disso, tem um no-contest em 2007.

A luta
Como tinha prometido, Barão começou o combate estudando mais o adversário e, até por isso, levou alguns golpes no primeiros minutos. Mas na metade final do período, começou a dominar na trocação, principalmente nos chutes altos, dando uma amostra do que estaria por vir.

Logo no primeiro grande golpe que deu no segundo round, com apenas 26 segundos, acertou um chute alto e giratório no rosto de Wineland, que foi ao chão. Lá, o brasileiro passou a golpeá-lo e o juiz foi rápido para encerrar a luta e dar o nocaute para o brasileiro.

Nurmagomedov e Schaub brilham
Mais uma vez Khabib Nurmagomedov fez uma apresentação impecável. Contra o duro Pat Healy, o russo não tomou conhecimento. Dominou na trocação nos dois primeiros rounds, até com joelhadas voadoras, e deu um show de quedas no terceiro. Venceu fácil por pontos e ficou ainda mais próximo de uma disputa de cinturão dos leves.

Quem também teve uma grande atuação foi o peso pesado Brendan Schaub. Contra seu ex-companheiro de time no TUF 10 Matt Mitrione, ele dominou na trocação com boas sequências, derrubou como quis e, no chão, conseguiu um belo triângulo de mão no primeiro round e apagou o adversário.

Na segunda luta do card principal, uma enorme frustração. Era esperado muita movimentação, mas Francis Carmont apenas dominou nas quedas e ficou no ground and pound pouco produtivo, mas foi o suficiente para vencer o cipriota Costa Philippou, sétimo no ranking dos médios, por pontos, em decisão unânime dos juízes.
Terra Benta

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Águia Negra enfrenta o líder do grupo e busca sua primeira vitória no Brasileiro
Esportes
Grêmio, Inter e Athletico-PR podem se classificar hoje para às oitavas da Libertadores
Esportes
Moreninhas terá Torneio de Pênaltis com prêmios em dinheiro
Esportes
Covid-19: com seis infectados, Flamengo encara Barcelona-EQU nesta terça
Esportes
Com uma novidade de Tite em convocação para início das Eliminatórias
Esportes
Em emendas parlamentares, esporte de MS recebe R$ 1,64 milhão
Esportes
Vídeo: Corinthians é recebido com protesto pela torcida no aeroporto
Esportes
Vídeo - Neymar é expulso por dar tapa em jogador que o chamou de "macaco"
Esportes
Projeto Amigos do Parque volta neste final de semana
Esportes
Moreninha lll ganhará pista de skate e quadra de areia

Mais Lidas

Cidade
Vídeo - Famílias perdem tudo em incêndio Noroeste; saiba como ajudar
Cidade
Ação une irmãs do MT e MS em prol de animais do Pantanal
Justiça
Acusado de matar a tia com 24 facadas é condenado a 8 anos de prisão
Polícia
PMA autua pecuarista em R$ 10 mil por animais silvestres em cativeiro