Menu
Busca segunda, 17 de maio de 2021
(67) 99647-9098
TJMS - maio21
Esportes

Chicão acusa árbitro: "falava 'chupa, São Paulo está ganhando'"

14 novembro 2013 - 11h28Via Terra com informações da Gazeta Esportiva
O zagueiro flamenguista Chicão saiu revoltado do gramado do Estádio Novelli Júnior, em Itu, após a derrota do Flamengo para o São Paulo por 2 a 0. Em entrevista para o canal SporTV ao deixar o campo, o defensor fez sérias acusações ao árbitro Alício Pena Júnior, responsável por conduzir o duelo no interior paulista.

"Não tem condições de apitar Série A, chamou o time do Flamengo de fraco e falava 'chupa, o São Paulo está ganhando'. Todo mundo sabe o histórico dele", relatou o zagueiro da equipe rubro-negra, que ainda desabafou: "não passa de um babaca apitando".

Durante a partida, o São Paulo teve um pênalti questionável concedido a seu favor por Alício de Elias sobre Luís Fabiano. Na cobrança, Rogério Ceni marcou e abriu o placar para a equipe do Morumbi no confronto. 

O volante Elias, que cometeu o pênalti convertido por Rogério Ceni, foi outro a criticar veementemente as atitudes do árbitro no Estádio Novelli Júnior. Em entrevista à Rádio Tupi, Elias disse que Alício faz parte de geração ultrapassada no futebol brasileiro e acusou o juiz de ter se portado como um ditador dentro de campo.

"Ele é um ditador, isso não existe. Sem contar o linguajar que ele usou com o Chicão em campo. Escutei coisas que não imaginava escutar de um árbitro. Xingou nosso jogador de todos as formas. Não adianta, tem que colocar gente nova para apitar. Do jeito que está não existe a menor condição de continuar. É um pessoal ultrapassado, tem que tirar um cara desses do futebol", sentenciou.

Antes do jogo, Alício Pena Júnior já tinha se envolvido em polêmica ao supostamente proibir os jogadores de cruzarem os braços em manifestação organizada pelo movimento Bom Senso F.C. em todos os jogos da rodada. A solução arranjada pelos atletas de ambas as equipes para burlar a proibição foi repassar a bola de um lado para o outro do campo por 53 segundos.

A relação de Chicão com Alício Pena Júnior, contudo, é conturbada desde 2008. Na época, o árbitro apitou a decisão da Copa do Brasil no Recife do Corinthians contra o Sport e teve atuação bastante questionada pelos corintianos, que não engolem até hoje o desempenho do árbitro - desde então, Alício raramente apita partidas da equipe alvinegra.
Girafa

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Tite volta a chamar Gabigol e Daniel Alves para a Seleção
Esportes
Nesta terça, Libertadores tem rodada com Palmeiras, Flamengo Internacional e Santos
Esportes
Morre o jornalista esportivo Fernando Caetano, ex-Fox Sports e ESPN
Esportes
Em busca da Champions League, Neymar renova contrato com o PSG até 2025
Esportes
AGORA É LEI: Atividade física é serviço essencial em MS
Esportes
Times brasileiros voltam a campo nesta quarta pela Libertadores e Sul-americana
Esportes
Atual campeão da Libertadores, Palmeiras recebe Del Valle pela 2ª rodada da competição
Esportes
Pista de skate improvisada por garotos do Aero Rancho é destruída
Esportes
Aos 16 anos, ciclista Chapadense assina contrato com Portugal
Esportes
Sorteio define grupos das seleções masculina e feminina de futebol na Olimpíada

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio