Menu
Busca segunda, 20 de setembro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS setembro21
Esportes

Chicão acusa árbitro: "falava 'chupa, São Paulo está ganhando'"

14 novembro 2013 - 11h28Via Terra com informações da Gazeta Esportiva
O zagueiro flamenguista Chicão saiu revoltado do gramado do Estádio Novelli Júnior, em Itu, após a derrota do Flamengo para o São Paulo por 2 a 0. Em entrevista para o canal SporTV ao deixar o campo, o defensor fez sérias acusações ao árbitro Alício Pena Júnior, responsável por conduzir o duelo no interior paulista.

"Não tem condições de apitar Série A, chamou o time do Flamengo de fraco e falava 'chupa, o São Paulo está ganhando'. Todo mundo sabe o histórico dele", relatou o zagueiro da equipe rubro-negra, que ainda desabafou: "não passa de um babaca apitando".

Durante a partida, o São Paulo teve um pênalti questionável concedido a seu favor por Alício de Elias sobre Luís Fabiano. Na cobrança, Rogério Ceni marcou e abriu o placar para a equipe do Morumbi no confronto. 

O volante Elias, que cometeu o pênalti convertido por Rogério Ceni, foi outro a criticar veementemente as atitudes do árbitro no Estádio Novelli Júnior. Em entrevista à Rádio Tupi, Elias disse que Alício faz parte de geração ultrapassada no futebol brasileiro e acusou o juiz de ter se portado como um ditador dentro de campo.

"Ele é um ditador, isso não existe. Sem contar o linguajar que ele usou com o Chicão em campo. Escutei coisas que não imaginava escutar de um árbitro. Xingou nosso jogador de todos as formas. Não adianta, tem que colocar gente nova para apitar. Do jeito que está não existe a menor condição de continuar. É um pessoal ultrapassado, tem que tirar um cara desses do futebol", sentenciou.

Antes do jogo, Alício Pena Júnior já tinha se envolvido em polêmica ao supostamente proibir os jogadores de cruzarem os braços em manifestação organizada pelo movimento Bom Senso F.C. em todos os jogos da rodada. A solução arranjada pelos atletas de ambas as equipes para burlar a proibição foi repassar a bola de um lado para o outro do campo por 53 segundos.

A relação de Chicão com Alício Pena Júnior, contudo, é conturbada desde 2008. Na época, o árbitro apitou a decisão da Copa do Brasil no Recife do Corinthians contra o Sport e teve atuação bastante questionada pelos corintianos, que não engolem até hoje o desempenho do árbitro - desde então, Alício raramente apita partidas da equipe alvinegra.
Unica - inverno

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esportes
Marta passa Pelé na artilharia da Seleção
Esportes
Atletas da capital vão representar MS em Campeonato Jiu-Jitsu
Esportes
Yeltsin Jaques "fez história na Paralimpíadas de Tóquio", diz Rose Modesto
Esportes
Yeltsin Jacques é recepcionado pelo Corpo de Bombeiros no Aeroporto nesta terça-feira
Esportes
Tóquio 2020: Cerimônia de encerramento encanta com a beleza da diversidade
Esportes
Anvisa paralisa jogo Brasil x Argentina e jogadores poderão ser deportados
Esportes
Campeonato Brasileiro de Handebol acontece de 03 a 07 de setembro em MS
Esportes
MS recebe Campeonato Brasileiro de Handebol neste fim de semana e feriado
Esportes
Primeiro ouro de parataekwondo da história vai para brasileiro
Esportes
Brasil enfrenta Chile pelas Eliminatórias da Copa do Catar

Mais Lidas

Internacional
Vídeo: Vulcão entra em erupção nas Ilhas Canárias
Polícia
Mulher é sequestrada no Itanhangá Park e família paga R$ 18 mil em resgate
Oportunidade
Concurso da Caixa Econômica tem vagas para MS e salário de R$3 mil
Geral
Criança de 5 anos morre em acidente na MS-141