Menu
Busca sábado, 25 de janeiro de 2020
(67) 99647-9098
Perkal Topo - janeiro-20
Geral

Coronel David homenageia policiais que resgataram advogada na capital

Os militares agiram no resgate de Thalita Aguiar, vítima de seqüestro seguido de roubo

06 agosto 2019 - 10h51Joilson Francelino

A equipe do Batalhão de Choque da Polícia Militar que resgatou do cativeiro a advogada Thalita Aguiar Dolácio, vítima de seqüestro seguido de roubo no último dia 30 de julho, foi homenageada nesta terça-feira (6), na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul.

A moção de congratulação foi requerida pelo deputado Coronel David, que considerou a ação como heróica. “Agiram com muita coragem. Ações como essa faz com que a sociedade acredite mais na polícia”.

Para Coronel David, a ação dos policiais é reflexo do que o atlas da violência traz a respeito de dados da segurança pública de MS. “Nós somos o estado que temos a 6ª menor taxa de homicídios no país e também uma taxa de 73% na resolução de homicídios. Ações como essa e de todos os servidores da segurança pública faz com que o estado tenha, apesar dos problemas de estrutura e outras questões, temos uma das melhores seguranças públicas do país”, destacou.

O presidente Assembleia, deputado Paulo Corrêa, pediu para que a sugestão do Coronel David se tornasse uma moção da Casa. “A Assembleia Legislativa sente-se honrada e orgulhosa com o trabalho feito por esses heróis”, afirmou.

Já o deputado Barbosinha destacou que todas as vezes que as coisas ficam difíceis em que se apresenta sem solução, os homens do Choque são chamados para dar solução. “População precisa a cada dia mais reconhecer e valorizar”, disse. Doze militares receberam a moção.

Relembre o caso

O sequestro frustrado aconteceu na terça-feira (30) e culminou na prisão de Andrade Costa, 23 anos, e Michael Cera Cruz de Assis 30 anos, 

Após ser sequestrada, Thalita Aguiar Dolácio, teve o carro roubado e foi mantida em cárcere. A polícia localizou o veículo da vítima que estava com os criminosos presos. Eles confessaram o crime e disseram que o veículo seria levado até Corumbá. Eles deram o endereço onde a vítima estava mantida em cárcere, no Indubrasil.

Ao chegar, a polícia entrou em confronto com outros dois criminosos e resgatou a advogada. Os dois brandidos foram baleados e morreram no hospital.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Bruno Covas recebe alta após 7ª sessão de quimioterapia
Geral
Motoristas de aplicativo criam associação para lutar por direitos
Geral
Mortes causadas por chuva em Minas Gerais sobe para 12
Geral
PM abrirá inscrição em curso para formação de sargentos na segunda-feira
As inscrições devem ser feitas exclusivamente no site da PM
Geral
Marun lamenta morte de Ibsen Pinheiro, ex-presidente da Câmara
Geral
Lei busca conscientizar sobre os riscos da ingestão de álcool durante gravidez
Geral
Sete pessoas se acidentam de moto todos os dias em Campo Grande
Geral
Na Showtech, Riedel ressalta investimentos em tecnologia
Geral
Energisa abre exposição de energia elétrica no Pátio Central
Geral
Vídeo - Motociclista toma “banho de merda” na Ernesto Geisel

Mais Lidas

Polícia
Homem é encontrado morto com sinais de espancamento em terreno
Esportes
Internacional vence Grêmio nos pênaltis e ganha Copa São Paulo de Juniores
Geral
Bruno Covas recebe alta após 7ª sessão de quimioterapia
Polícia
Casal é preso com mais de R$ 400 mil em celulares e relógios