Menu
Busca terça, 23 de abril de 2019
(67) 99647-9098
governo festa da linguiça
Geral

Policiais apreendem armas e mais de R$ 400 mil em casa de João de Deus

Parte do dinheiro e o armamento estavam guardados no fundo falso de um guarda-roupa

19 dezembro 2018 - 15h11Da redação com Agência Brasil

Policiais civis de Goiás apreenderam pouco mais de R$ 400 mil e cinco armas de fogo em uma das residências do médium goiano João Teixeira de Faria, o João de Deus. Parte do dinheiro e o armamento estavam guardados no fundo falso de um guarda-roupa, em um quarto de uma das casas que o médium mantém em Abadiânia (GO).

Segundo o delegado-geral da Polícia Civil de Goiás, André Fernandes, um dos revólveres tinha a numeração raspada. Junto com as cinco armas, havia também uma pistola de brinquedo. O dinheiro apreendido reúne notas de dólares, euros, pesos argentinos, francos suíços e reais cuja origem ainda será investigada.

Entre os locais onde a Justiça autorizou a realização de buscas e apreensões está o centro espírita Casa Dom Inácio de Loyola, onde, desde 1976, João de Deus oferece consultas, aconselhamento e cirurgias espirituais, além de vender produtos que ele próprio prescreve a seus seguidores.

No local, os policiais revistaram os setores administrativos, os locais de oração e áreas reservadas do imóvel. Além disso, peritos buscaram vestígios de sêmen e sangue. O laudo técnico deve ser divulgado em breve.

Denunciado por crimes sexuais, João de Deus diz que é inocente. Na semana passada, ao fazer sua primeira aparição pública desde que as primeiras denúncias começaram a vir à público, o médium disse que estava nas mãos da Justiça. Segundo o Ministério Público de Goiás (MP-GO), até a noite da última segunda-feira (17), 506 mulheres já tinham entrado em contato com o MP estadual a fim de denunciar o médium ou obter orientações sobre como agir.

O MP goiano, no entanto, destaca que ainda não é possível afirmar se todos os contatos serão convertidos em inquéritos. Isso porque, ainda que a consistência dos relatos seja avaliada desde o primeiro momento, os promotores têm que verificar quais caracterizam potenciais casos de abuso sexual e descartar aqueles contatos que não passam de desabafos ou de denúncias em duplicidade.

pmcg - prestação de contas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Vídeo - “Coelhinho da Páscoa” separa briga e bate em agressor de mulher
Geral
Deputado quer proibir manifestações contra cristãos no estado
Geral
Capital terá mais uma roda-gigante com vista para pontos turísticos
Geral
"Embaixador da Carne" morre depois de complicações cardíacas
Geral
Prefeitura vai pagar R$ 1 mil para vencedor de concurso
Geral
Empresária da capital conquista 3º lugar em mundial fitness
Geral
Unimed é autuada por mau atendimento
Geral
Mais de R$ 1 milhão é pago pelo TCE-MS a conselheiros
Geral
Vídeo - Águia Negra lamenta morte de ex-jogador
Brasil
Ex-estrela do programa Raul Gil comete suicídio

Mais Lidas

Polícia
Vídeo - Após ser traído, homem se joga em carro em chamas
Cidade
Emha abre inscrições para sorteio de 224 apartamentos
Brasil
Ex-estrela do programa Raul Gil comete suicídio
Polícia
Pescador encontrado morto foi deixado pelo sobrinho um dia antes, no rio Dourados