Menu
Busca terça, 20 de outubro de 2020
(67) 99647-9098
Sebrae/mulher
Geral

Revitalização da Praça Ary Coelho deve ficar pronta no segundo semestre

05 junho 2012 - 10h15Denilson Secreta

No segundo semestre, a Prefeitura da Capital entrega aos campo-grandenses a obra de revitalização em execução na praça mais tradicional  da cidade, a Ary Coelho. Local onde em média diariamente 70 mil pessoas embarcam e desembarcam do transporte coletivo, a praça é também um ponto de encontro da população, inclusive de  idosos que, há anos, decidiram ocupar o tempo ocioso praticando jogos de mesa. A praça de 10 mil m² está passando por uma completa reforma ao custo de R$ 3,5 milhões. A obra está 60% concluída.

Além de ser “repaginada”, o projeto de revitalização da Praça Ary Coelho prevê o cercamento do local, uma forma de dar segurança às pessoas que transitam por ali cotidianamente. A praça terá cinco entradas, uma em cada esquina e outra com frente para a avenida Afonso Pena. Com as grades, vai ser adotado horário de abertura e fechamento ao público.

A empreiteira contratada pela prefeitura já concluiu o fechamento das laterais com gradil e instalou o novo calçamento. A próxima etapa serão os trabalhos de paisagismo. Os banheiros serão reformados, a praça vai ganhar um  coreto. A fonte luminosa será resgatada e o chafariz adaptado com sistema de iluminação e sonorização.

A área onde os idosos têm o hábito de se reunir para jogar dama, xadrez e bozó será renovada. Já na esquina da rua 15 de Novembro com a rua 13 de Maio será instalada uma academia ao ar livre. A Praça Ary Coelho é dotada de internet gratuita.

História
No local onde está localizada a Praça Ary Coelho, funcionou o primeiro cemitério de Campo Grande, denominado Arraial de Santo Antonio. Em 1909, tornou-se praça. Em 1913, recebeu o nome de Praça 2 de Novembro; em 1915 passou a chamar Praça Municipal. Em 1922, são construídos o coreto e a pérgola, demolindo-se o primeiro em 1957 para dar lugar à fonte luminosa, mantendo-se a pérgola até os dias de hoje. Em 1925, no local é construído o Pavilhão do Chá. Já em 1957, no local passou a funcionar a Biblioteca Municipal. Em 1954, a praça recebe o nome do ex-prefeito de Campo Grande, Ary Coelho, assassinado em 1952 em Cuiabá.

Ao longo dos anos, a praça mudou de nome e foi reformada. Em 1957, o coreto foi substituído por uma fonte luminosa e, nos anos 70, foi implantado o playgroud.

Em 1996, a praça foi totalmente reconfigurada pela Prefeitura de Campo Grande, com formulação dos canteiros, utilizando-se de formas orgânicas em contraponto ao geométrico desenho anterior. A pérgola antiga, a fonte luminosa e os espelhos d’água foram restaurados e mantidos. Nesta data, foram implantados um anfiteatro, sanitários e posto policial.

Via CG Notícias

CertFica

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Energisa rebate Procon e fala em reclamações improcedentes
Geral
Pesquisa mostra falta de cerveja nas prateleiras dos supermercados
Geral
Proprietária de frigorífico tem a mão presa em moedor de carne
Geral
Vídeo - Homem é filmado por vizinhos fazendo "cavalinho de pau", no bairro Sayonara
Geral
Procon já recebeu mais 15 mil reclamações este ano; Energisa lidera ranking
Geral
Jade Magalhães confirma término do noivado com Luan Santana
Geral
Com Covid-19, sambista Jorge Aragão está na UTI
Geral
Versão online do cartão do SUS está disponível no MS Digital; veja como usar
Geral
UEMS vai ofertar mais de 400 vagas para cursos de graduação a distância
Geral
Professor envia foto nu para grupo de alunos do fundamental

Mais Lidas

Geral
Energisa rebate Procon e fala em reclamações improcedentes
Internacional
Jovem é presa tentando entrar com dinamite em presídio onde estão membros do PCC
Política
Ibope - Gestão de Marquinhos tem 52% de aprovação e 16% de rejeição
Política
Projeto do marco legal das startups é encaminhado ao Congresso