Menu
Menu
Busca domingo, 03 de março de 2024
Justiça

Caso Sophia: Padrasto acusa a mãe de matar a criança e nega comportamento agressivo

Assim como Stephanie de Jesus, o réu Christian Campoçano declarou não saber o que aconteceu no dia em que a menina morreu

05 dezembro 2023 - 19h37Brenda Assis e Brenda Leitte    atualizado em 05/12/2023 às 19h58

Assim como a companheira Stephanie de Jesus da Silva, o réu Christian Campoçano Leitheim quebrou o silêncio durante a última audiência antes da pronúncia para o julgamento deles por serem acusados de matar de maneira violenta Sophia Ocampos de Jesus, de apenas 2 anos.

Com diversas divergências em relação as declarações feitas pela mãe da menina, o acusado fez a audiência virar um ‘jogo de empurra’. Já que: um culpa o outro e os dois dizem não saber o que de fato aconteceu no dia em que a criança deu entrada, sem sinais vitais, no posto de saúde da região.

Para o juiz Aluízio Pereira dos Santos, que está conduzindo o plenário, Christian alegou sempre ter sido amigável com todos, ao contrário da companheira, que era agressiva com ele e as crianças. O padrasto então, mantendo a versão de não saber o que aconteceu e apático em suas respostas, disse que pode ter sido um acidente.

“Pode ter sido algum acidente. A Stephanie pode ter caído em cima dela, porém não posso afirmar porque eu nao sei como ela morreu”, falou. Ao dar prosseguimento, ele diz estar sendo acusado pela companheira para que ela saia ilesa da situação. “Não sei o que passa na cabeça da Stephanie. Porque o que vejo é ela me acusando para que nada caia sobre ela”.

Dia da morte – Ao recordar sobre os fatos, o rapaz comentou ter passado o dia dormindo por estava ‘de ressaca’. Uma vez que era costumeiro ficar assim depois de usar álcool e drogas. Ele lembra de ter sido acordado pela companheira, já pela manhã, com ‘a Sophia com a boca roxa e convulsionando’.

“Única pessoa que teve contato com a Sophia antes dela morrer foi a Stephanie, eu estava dormindo. Ela disse pra eu não ir ao posto levar a menina, então fiquei em casa e dei banho nas outras crianças”.

Quando soube que a criança estava morta, o rapaz então pediu para a companheira inventar uma desculpa pois não queria que ela fosse presa. “Minha preocupação era com a Stephanie. Até queria ficar no lugar dela, para ela não passar por tudo isso e ser presa”, comentou afirmando estar em estado de choque na hora.

O rapaz negou as agressões contra a companheira, relatadas por ela durante a audiência.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

STF irá retomar na próxima semana julgamento sobre porte de drogas
Justiça
STF irá retomar na próxima semana julgamento sobre porte de drogas
Meta
Justiça
Justiça dá prazo de 30 dias para Meta, dona do Facebook, mudar de nome no Brasil
MP espanhol vai recorrer para aumentar pena de Daniel Alves por estupro, diz agência
Justiça
MP espanhol vai recorrer para aumentar pena de Daniel Alves por estupro, diz agência
Banco é responsável por transações após roubo de celular, decide STJ
Justiça
Banco é responsável por transações após roubo de celular, decide STJ
Estudantes de direito podem se inscrever para estágio em Fórum de Corumbá
Justiça
Estudantes de direito podem se inscrever para estágio em Fórum de Corumbá
Eleições 2024: Eleitores têm até 8 de maio para regularização com a Justiça Eleitoral
Brasil
Eleições 2024: Eleitores têm até 8 de maio para regularização com a Justiça Eleitoral
Foto: Divulgação/DPERGN
Justiça
Defensoria levará Van dos Direitos em ação em Paranhos
Fachada do Hospital - Foto:
Justiça
MPMS investiga hospital de câncer por carência de especialistas em cabeça e pescoço
Dino segue Moraes e vota a favor da condenação de 15 réus do 8 de janeiro
Justiça
Dino segue Moraes e vota a favor da condenação de 15 réus do 8 de janeiro
Defensoria Pública da União (DPU) -
Justiça
Defensoria Pública da União nega integrar grupo para criar cadeia para indígenas em MS

Mais Lidas

Aposentado viaja de motor home com a esposa e já percorreu mais de 120 mil km
Geral
Aposentado viaja de motor home com a esposa e já percorreu mais de 120 mil km
Rapaz não teve tempo de ser socorrido
Polícia
JD1TV AGORA: Rapaz é assassinado com vários tiros no Aero Rancho
Patrick foi atingido com três disparos
Polícia
Jovem foi assassinado por dupla em motocicleta no Aero Rancho
AGORA: Homem é baleado e dirige até a UPA Coronel Antonino para pedir socorro
Polícia
AGORA: Homem é baleado e dirige até a UPA Coronel Antonino para pedir socorro