Menu
Busca quarta, 26 de fevereiro de 2020
(67) 99647-9098
tj ms topo
Justiça

“Desembargadores de merda”, gritava Jamil Name ao ser preso, diz Gaeco

Relatório aponta ainda que a milícia articula a morte do delegado Fábio Peró

02 outubro 2019 - 11h31Da redação

O Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco) apresentou relatório que reforça a necessidade de manutenção da prisão preventiva do empresário Jamil Name e Jamil Name Filho.

De acordo com o relatório, o pai e o filho adotaram postura de afronta às ações da Operação Omertá. Jamil Name, segundo o documento, lançou palavras ofensivas a desembargadores do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJ-MS), quando soube que seria alvo de busca e apreensão, na última sexta-feira (27). “Desembargadores de merda e analfabetos”, teria gritado o empresário. Não se sabe, porém, a quais desembargadores Jamil se referia.

Além da afronta às autoridades jurídicas do estado, Jamil Name teria gritado, após tomar conhecimento de sua prisão, que “o jogo só começa agora”. O empresário ainda teria dito à sua esposa “até amanhã”, sinalizando que seria solto em 24h.

O relatório anexado aos autos, ainda aponta uma articulação dos presos durante a operação, contra a vida do delegado do Garras, Fábio Peró.

Jacarezão

Deixe seu Comentário

Leia Também

Justiça
TJ-MS condena rapaz a 27 anos por morte e estupro em Unei
Justiça
Assassino de florista saiu da Santa Casa direto para a cadeia
Justiça
TJ-MS inocenta juiz Paulo Afonso
Justiça
Coffee Break coletará depoimentos de André, Olarte e vereadores
Justiça
Autor de atentado contra Bolsonaro poderá deixar presídio da capital
Justiça
TJ nega indenização a operadora de aeroporto
Justiça
Vítima de atentado hoje, Trutis tem trajetória de encrencas
Justiça
Testemunhas de ação trabalhista são presas após mentir em juízo
Justiça
Justiça nega indenização de mais de R$ 500 mil por suicídio de detento
Justiça
Em disputa por equiparação, CNJ dá vitória ao TJ

Mais Lidas

Educação
Resultado da inscrição para Fies e P-Fies sai nesta quarta
Internacional
Coronavírus: Brasil vai receber 2 mil voos de países com casos
Cidade
Vídeo mostra briga que pode ter sido durante Carnaval na capital
Geral
''Havia muito mais gente'', diz jornalista sobre carnaval de Corumbá