Menu
Busca quarta, 22 de janeiro de 2020
(67) 99647-9098
Perkal Topo - janeiro-20
Justiça

Justiça confirma decisão da OAB e Bernal perde direito de advogar

O desembargador, Peixoto Júnior, derrubou a liminar obtida por Alcides que o mantinha como advogado

21 novembro 2019 - 17h01Mauro Silva, com blog do Marcos Eusébio

O ex-prefeito, Alcides Bernal, acaba de perder o direito de advogar após deliberação do desembargador, Peixoto Júnior, relator da ação no Tribunal Regional Federal da 3ª Região, que derrubou, nesta quinta-feira (21), a liminar deferida ao ex-chefe do executivo municipal na Justiça Federal de Campo Grande contra a decisão do Tribunal de Ética e Disciplina (TED) da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional de Mato Grosso do Sul (OAB-MS).

Bernal é acusado de apropriação de indenização recebida por uma cliente. O caso fez com que a OAB-MS impedisse, o até então advogado, de exercer a profissão, enquanto não houver esclarecimentos sobre o repasse da verba. Com a decisão de hoje Alcides fica impedido de exercer a profissão.

O caso

O caso foi divulgado em 2013, no qual informou que a cliente, a ex-catadora  Dilá Dirce de Souza, foi atropelada por um caminhão de lixo, em 14 de junho de 1999. Bernal foi advogado de Dilá no processo em que ela pediu verbas indenizatórias e uma pensão vitalícia, pois a mesma ficou impossibilitada de trabalhar após o acidente.

O valor da indenização que foi apropriado por Alcides, ficou em torno de sessenta salários mínimos (R$ 159,3 mil, atualmente), que deveria ser repassado a catadora. Dilá ganhou a causa por danos morais contra a Vega Engenharia Ambiental, responsável, à época, pela coleta de lixo em Campo Grande.

 

 

 

 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Justiça
Defesa diz que Valler não usou cocaína e que droga era de veterinária morta
Justiça
Em nota, MPF justifica mudança para Dourados, mas não responde sobre diárias
Justiça
Depois da “fuga” de Ponta Porã, MPF evita responder sobre diárias para idas à fronteira
Justiça
Brasil fecha fronteira com Paraguai após fuga de presos neste domingo
Justiça
Prazo de juiz de garantias pode mudar investigação de Flávio e Lula
Justiça
Dourados não terá saneamento suspenso, garante diretor da Sanesul
Justiça
Paschoal Leandro avalia positivamente adiamento do 'juiz de garantias'
Justiça
Briga no Jatobá - Audiência de conciliação sobre “expulsão” de piloto será em março
Justiça
Força Nacional será enviada para amenizar conflitos em Dourados
Justiça
Cliente cai em golpe no Banco do Brasil e juiz decide culpa concorrente

Mais Lidas

Brasil
Embraer mantém férias coletivas de funcionários por mais três dias
Geral
Nova diretoria do Sindifisco define metas
Geral
Homem procura por familiares em Mato Grosso do Sul
Cidade
Programa da prefeitura se destaca no país após premiação