Menu
Busca terça, 11 de agosto de 2020
(67) 99647-9098
Governo 01
Polícia

Áudio: polícia descarta sequestros e assassinatos em série de mulheres

Informação sobre ação de facções criminosas viralizou nas redes sociais

08 julho 2020 - 16h44Joilson Francelino

A Polícia Civil de Mato Grosso do Sul emitiu nota na tarde desta quarta-feira (8) para esclarecer que não há indícios de ataques em séries contra mulheres em Campo Grande, ou no interior do Estado.

Áudio e mensagens em textos circulam nas redes sociais, desde o sequestro e morte misteriosa de Carla Santana Magalhães na última semana. No “alerta”, ainda há a informação de uma suposta atuação de facções criminosas, de forma coordenada no ataque a mulheres jovens, com o intuito de provocar insegurança na capital. A polícia destaca que se trata de “notícias falsas criadas com o intuito de espalhar medo na população”.

“Casos isolados, como a morte de uma vítima no bairro Tiradentes e uma importunação sexual cometida por um homem em um veículo prata no bairro Jardim Itamaraca, já estão sendo investigados pela Delegacia de Homicídios e pela Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher, respectivamente, mas tratam-se de casos isolados e que não possuem qualquer tipo de ligação entre si”, consta na nota oficial.

A polícia ainda alerta que compartilhar notícias sem verificar sua veracidade pode promover uma sensação de insegurança e pânico na população e prejudicar o trabalho policial. “Criar áudios ou notícias de modo a anunciar perigo inexistente configura contravenção penal passível de responsabilização criminal. A Polícia Civil está investigando a autoria dos áudios com tais notícias falsas e pede o cuidado redobrado da população ao compartilhar informações recebidas de amigos ou grupos de conversas nas redes sociais”, diz a polícia.

A Polícia Civil orienta às pessoas que tenham passado por qualquer situação de violência para que procurem uma delegacia de polícia próxima a fim de esclarecer qualquer dúvida ou registrar ocorrência. Não basta publicar nas redes sociais, é preciso acionais os canais oficiais de denúncias tais como Delegacias de Polícia, Disque 180 e BO Online.

Ouça o áudio e veja a mensagem que circula nas redes sociais.

Jd1 Notícias · Polícia descarta assassinatos em série de mulheres na capital

 

 
Senar - agosto2020

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Após arrumar confusão em boate, carreteiro foge e é preso embriagado
Polícia
Homem joga carro contra carreta e mata os filhos para se vingar da ex
Polícia
Vídeo: Jovem é baleado pela PM e morre no dia do aniversário
Polícia
Separado há 1 ano, homem invade residência, agride e ameaça queimar a ex
Polícia
Adolescente de 14 anos morre esfaqueado após briga em distribuidora de bebidas
Polícia
Hilux carregadacom 1,2 tonelada de maconha e haxixe é apreendida em MS
Polícia
Rapaz de 21 anos esconde quase meia tonelada de maconha, mas acaba preso
Polícia
DOF recupera em MS carro roubado há cinco meses em Brasília
Polícia
No dia dos Pais, filho encontra pai morto debaixo de porta de ferro
Polícia
Briga entre senegaleses termina com um esfaqueado em Campo Grande

Mais Lidas

Política
Vereadores da capital votam cinco Projetos nessa terça
Política
Coronel David solicita testes em massa à agentes da Segurança Pública
Política
Dourados tem nova troca de secretário de Saúde
Política
Vice-prefeita de Inocência morre vítima do coronavírus