Menu
Busca quarta, 26 de janeiro de 2022
(67) 99647-9098
TJMS Jan22
Polícia

Gerson Camata foi assassinado por ex-assessor

Antes do crime, os dois se encontraram e iniciaram uma discussão

27 dezembro 2018 - 10h50Da redação com informações da Agência Brasil

Marcos Venício Moreira Andrade, de 66 anos, confessou a autoria do assassinato do ex-governador do Espírito Santo, Gerson Camata, na quarta-feira (26), em Vitória. 

Venício foi assessor de Camata por cerca de 20 anos e, atualmente, a vítima movia uma ação judicial contra o autor que teve R$ 60 mil bloqueados em sua conta bancária. Marcos foi preso horas após o crime. A arma utilizada no crime, sem registro, também foi apreendida pela Polícia Civil.

O secretário de Segurança Pública do Espírito Santo, Nylton Rodrigues,  detalhou que no dia do crime, na Praia do Canto, o autor foi tirar satisfação, ao encontrar Gerson Camata, próximo a uma padaria e a uma banca de revistas. “Neste encontro, iniciou-se uma discussão verbal, momento em que o Marcos Venício sacou uma arma e efetuou o disparo que vitimou o nosso ex-governador. É isso o que nós podemos adiantar agora", informou.

Rodrigues contou também que o ex-governador foi morto com um único disparo, que atingiu o pescoço.

Senar - Jan22

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Idoso espanca a sogra de 103 anos até a morte em Tacuru
Polícia
Vendedora é agredida e beijada a força por idoso de 73 anos em loja de bicicleta
Polícia
Homem esfaqueado no peito pela esposa no Noroeste morre no hospital
Polícia
Menor é apreendido após bater no padrasto e ameaçar a mãe de morte
Polícia
Na PF Soraya leva laudo que mostra montagem em áudio contra Tereza Cristina
Polícia
Polícia Civil prende homem suspeito de jogar drogas para dentro de presídio
Polícia
Cão da raça Golden invade residência e mata cachorro da vizinha
Polícia
Homem passa mal e morre na casa da mãe
Polícia
Suspeito de tentativa de homicídio é preso em Bonito
Polícia
Jovem desaparece no Pioneiros e família culpa 'dívida com agiotas'

Mais Lidas

Geral
Inscrições para Lote Urbanizado na capital terminam dia 31 de janeiro
Polícia
Garota de 14 anos planeja e executa a morte da tia a facadas
Geral
Justiça discute partilha de bens de R$ 500 milhões de Marília Mendonça
Polícia
Mulher vai trabalhar de diarista, furta celular e esconde R$ 20 mil em joias no corpo