Menu
Menu
Busca quarta, 29 de maio de 2024
Secovi
Polícia

Motociclista que morreu no Trevo Imbirussu fazia 'arruaça' e empinava moto, diz polícia

Testemunhas e até motorista da carreta apresentaram a mesma versão em conversa com autoridades

13 abril 2023 - 07h50Luiz Vinicius e Brenda Assis

O motociclista Ryan de Oliveira Souza, de 17 anos, morreu após tentar desviar de um buraco, cair e ser atropelado por uma carreta na Avenida Marechal Deodoro, no Trevo Imbirussu. No entanto, versões apontam também que antes disso, o jovem realizava arruaça e empinava a moto na companhia de amigos.

A informação foi confirmada ao JD1 Notícias, ainda no local, durante a noite de quarta-feira (12), pela Polícia Militar e também pela Polícia Civil, que esteve na região coletando detalhes sobre o ocorrido.

Segundo informações apuradas, a 'arruaça' e as manobras aconteceram antes mesmo de Ryan ter tentado desviar de um buraco existente na pista. Após essa ação, ele se desequilibrou, bateu contra a mureta de uma obra e parou debaixo da carreta, tendo o capacete do motociclista ficado completamente destruído com o acidente.

A versão foi apresentada por testemunhas e pelo motorista da carreta, que atropelou 'sem querer' a vítima. O condutor, inclusive, conversou com a reportagem, contando que é a segunda vez que se envolve em acidentes graves, mas que somente hoje, presenciou a morte de uma pessoa.

"Tava uns motoqueiros, empinando moto e correndo, não deu nem como parar [sic]. Eu só ouvi a batida, já cacei o barulho e vi ele debaixo do caminhão e parei", afirmou bastante assustado com a situação.

Conforme colhido no local, testemunhas fizeram questão de procurar, inicialmente, a Polícia Militar para relatar o fato e depois repassar a versão para o delegado plantonista Daniel Luz, da Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Cepol. A investigação deve continuar.

Nas proximidades do local existem câmeras de segurança que podem ter flagrado o momento da possível 'arruaça' e também o momento do acidente que vitimou Ryan.

Cena triste - Um olhar cabisbaixo, um momento sozinho, mas sempre recebendo o afago de amigos e familiares que estavam presentes. O pai de Ryan viveu momentos dolorosos ao saber e presenciar a trágica morte de seu filho em um acidente de moto.

"O que você foi fazer da sua vida, meu filho? Tinha tanto pela frente", era um dos questionamentos feitos pelo pai, enquanto via o filho caído, coberto com um pano para evitar exposição da tragédia que assolou sua família.

Sempre recebendo um carinho, um abraço, o homem se via sem saber o que fazer diante do que estava presente em seus olhos. O JD1 Notícias flagrou um momento em que o pai de Ryan senta nas margens da pista e fixa seu olhar para seu filho como quem tentasse encontrar respostas para o que estava acontecendo.

"Por quê? Pelo amor de Deus. Não era para você passar por aqui. O que tava fazendo aqui, filho?", disse o pai emocionado e abalado.

JD1 No Celular

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 e acompanhe em tempo real todas as notícias. Para baixar no IOS, clique aqui. E aqui para Android.

Reportar Erro
Assembleia - Maio24

Deixe seu Comentário

Leia Também

Pedro foi assassinado a facada
Polícia
Cunhada que matou rapaz com golpe de faca certeiro é presa em Campo Grande
Imagem Ilustrativa
Polícia
Jovem é preso tentando furtar o 5° carro usando um pedaço de garfo na UFMS
Juma foi morta na varanda de casa
Polícia
Homem é procurado por matar cadela com tiro na cabeça em Anastácio
Diante da 'viagem' que precisaram fazer, de aproximadamente 480km contado ida e volta, a operação de resgate durou 11h
Polícia
Peão cai de cavalo e é resgatado pelo Corpo de Bombeiros no Pantanal
Homem que estuprou a filha de 3 anos é preso em Jardim
Polícia
Homem que estuprou a filha de 3 anos é preso em Jardim
Imagem Ilustrativa
Polícia
Homem é esfaqueado durante roubo em ponto de ônibus em Corumbá
Braço da criança com hematoma
Polícia
Cuidadora de escola infantil é demitida após morder braço de criança de 3 anos
Estupradores presos pelo Choque tinham como 'alvo' crianças entre 5 e 13 anos
Polícia
Estupradores presos pelo Choque tinham como 'alvo' crianças entre 5 e 13 anos
O caso foi registrado na Depac Cepol em Campo Grande
Polícia
Será que é chifruda? Mulher bate na vizinha por conversar com seu marido no Lageado
Desesperado para achar sua cachorrinha, homem perde R$ 1 mil ao cair em golpe na Capital
Polícia
Desesperado para achar sua cachorrinha, homem perde R$ 1 mil ao cair em golpe na Capital

Mais Lidas

Waldeli dos Santos Rosa -
Política
Ex-prefeito é condenado por espalhar "Deep Fake" em Costa Rica
Vítima morreu ainda no local
Polícia
Homem é morto a tiros após jogar salgado em dono de lanchonete
Campo Grande amanhece encoberta de névoa
Clima
Campo Grande amanhece com neblina e frio ganha novo aliado nesta segunda
Sensação térmica chegou a 1,7°C em Campo Grande durante a madrugada desta terça
Clima
Sensação térmica chegou a 1,7°C em Campo Grande durante a madrugada desta terça