Menu
Busca sexta, 19 de julho de 2019
(67) 99647-9098
Polícia

Operação da Polícia Federal aniquila drogas e deixa um morto

Operação contra o tráfico termina com um morto e acampamento de produção e distribuição de drogas destruído

12 julho 2019 - 12h50Sarah Chaves, com informações do Dourados News

Um homem morreu em operação realizada pela polícia na manhã desta sexta-feira (12), na região de fronteira com o Paraguai, a Polícia Federal do Brasil (PF), junto com a Secretária Nacional Antidrogas (Senad) prestou apoio na ação que destruiu um acampamento utilizado para processar maconha.

A ação ocorre em Capitan Bado, próximo a Coronel Sapucaia, em Mato Grosso do Sul. A região é conhecida pela violência. 

De acordo com o portal do jornal ABC Color, o acampamento tem grande capacidade de processamento e armazenamento da droga. Quando a polícia chegou, houve troca de tiros e um homem ainda não identificado acabou morto. 

Ainda conforme as informações apuradas pela imprensa paraguaia, é possível que haja feridos.

Um dos principais traficantes da localidade foi levado pelos policiais, trata-se de Fredy Ariel Irala Fernández, conhecido como Lico'i.

 

Roberto Carlos

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Brasileiro que matou ex-mulher pega prisão perpétua no Reino Unido
Polícia
Inquérito de morte em cinema é encerrado
Polícia
Mulher tenta transportar droga em carro de aplicativo
Polícia
Mulher confessa que agrediu idoso com paulada na cabeça
Polícia
Motorista atropela e mata trabalhador rural durante manifestação
Polícia
Estoque de droga pronta para revenda é apreendido em presídio
Polícia
Pecuarista é morto a tiros na fronteira e pistoleiros são presos logo após o crime
Polícia
Homem é encontrado morto esta manhã com suspeita de hipotermia
Polícia
Incêndio criminoso deixa pelo menos 16 mortos
Polícia
Vídeo - Após brigar homem tem faca cravada no olho

Mais Lidas

Justiça
Rigo entra com recurso baseado em decisão de Toffoli
Geral
Jovem perde perna em acidente e pede ajuda em "Vaquinha Solidária"
Geral
Quatro capivaras amanhecem mortas próximo ao shopping
Polícia
Incêndio criminoso deixa pelo menos 16 mortos