Menu
Busca domingo, 31 de maio de 2020
(67) 99647-9098
Polícia

Quase uma tonelada de cocaína é apreendia pela PRF

A droga estava escondida em um reservatório de ar do caminhão, adulterado para o transporte

22 abril 2019 - 19h35Graziella Almeida

Nesta segunda-feira (22), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu um caminhão com mais de 800 quilos de cocaína, durante fiscalização no km 7 da BR- 463, em Dourados. Um homem de 35 anos acabou preso.

Os policiais abordaram o motorista de um veículo Scania/P114 tracionando um semirreboque, ambos com placas de Campo Grande. O condutor demonstrou nervosismo e durante a vistoria foi observado que o reservatório de ar comprimido estava adulterado. 

O condutor confessou que havia vários tabletes de cocaína escondidos no tanque, não sabendo a quantidade exata.

No reservatório foram encontrados 80 tabletes de cocaína totalizando 850,8 quilos da droga, faltando pouco para uma tonelada. O motorista declarou que buscou o veículo carregado em Ponta Porã e receberia a quantia de R$ 12 mil pelo transporte.

O preso, o veículo e a droga foram encaminhados à Delegacia de Polícia Federal em Ponta Porã.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Adolescente é flagrado com drogas e armas
Polícia
Mulher é obrigada a se esconder em quintal de terreno para ser estuprada
Polícia
Homem esfaqueia “amigo” durante bebedeira
Polícia
Bandido é preso após apanhar de mulher que tentou assaltar
Polícia
Homem é encontrado morto em córrego no MS
Polícia
PRF faz nova apreensão de carregamento de celulares Xiaomi para revenda
Polícia
Homem é preso por esfaquear colega por vingança na antiga rodoviária
Polícia
Durante perseguição, PM perde o controle e viatura acaba no cemitério
Polícia
Bebê morre aos cuidados da babá, após supostamente cair do carrinho
Polícia
Suspeito de matar casal enquanto dormia é preso

Mais Lidas

Justiça
Justiça obriga empresa a pagar r$ 2 mil à aluno que não recebeu aulas do curso
Polícia
Adolescente é flagrado com drogas e armas
Economia
Estados Unidos anuncia a doação de mais US$ 6 milhões ao Brasil
Internacional
Macacos 'assaltam' laboratório e levam exames de sangue com coronavírus