Menu
Busca domingo, 25 de julho de 2021
(67) 99647-9098
Governo - covid atitudes
Política

Movimento Direita de SP emite nota de repúdio aos parlamentares do PSL

O movimento paulista também criticou a viagem dos políticos do PSL à China

17 janeiro 2019 - 13h45Da redação

O Direita São Paulo (DSP), movimento político que preza nortear a direita brasileira, emitiu nota de repúdio nesta quinta-feira (17), após a divulgação de que parlamentares do Partido Social Liberal (PSL), estão em viagem na China.

O fato que vem causando um certo “mal estar” entre o próprio partido e críticas geradas por nomes da direita brasileira como o escritor Olavo de Carvalho e até o presidente Jair Bolsonaro, também foi motivo de insatisfação para o movimento que apoiou o PSL.

Conforme a nota a viagem não é oficial, e os parlamentares foram ao país bancados pelo Partido Comunista Chinês, onde estão tratando sobre instalação de tecnologias no Brasil, por uma empresa acusada de espionagem e roubo de propriedade intelectual.

O movimento diz não compactuar com alinhamento com partidos de esquerda e desaprovou a atitude dos políticos do PSL.

Veja a nota na íntegra:

NOTA OFICIAL:

O Direita São Paulo vem a público manifestar o seu repúdio e contrariedade à viagem não oficial à China de alguns Deputados e Senadores eleitos pelo PSL - bancada pelo Partido Comunista Chinês - para tratativas sobre a instalação de tecnologia de reconhecimento facial nos aeroportos brasileiros e em outros locais.

Sabe-se que a empresa responsável por isso, Huawei, é acusada de espionagem e de roubo de propriedade intelectual, de modo que o seu representante já teria sido preso na Polônia, no Canadá e nos Estados Unidos.

Além disso, reiteramos que o Direita São Paulo não compactua com nenhum tipo de alinhamento com partidos de esquerda, tampouco com países dominados por partidos comunistas em que não há democracia e liberdade, como é o caso da China, de modo que repudiamos a atitude amadora dos mencionados parlamentares, sobretudo por terem sido eleitos, em sua maioria, com votos de conservadores.

Por fim, reafirmamos o nosso compromisso com as pautas conservadoras, dentre elas, o alinhamento único e exclusivo com países que primam por democracia e liberdade acima de tudo.

 Paulo, 17 de janeiro de 2019.

A Coordenação.

Cruzeiro do Sul - 44 anos

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Eleições 2022: Bolsonaro diz que filiação ao PP é uma possibilidade
Política
Bolsonaro defende tratamento precoce e critica 'Protocolo Mandetta'
Política
Escola na área rural de Caracol passará por reforma pelo 'Governo Presente'
Política
Com receita de R$ 18,47 bilhões, governador sanciona LDO para 2022
Política
No Butantan, Paulo Corrêa pede mais vacinas
Política
Bolsonaro anuncia Senador Ciro Nogueira para comando da Casa Civil
Política
Governador libera investimento de mais de R$ 8 milhões para a Cultura
Política
Bolsonaro afirma que haverá ‘mudança ministerial’
Política
Bolsonaro diz que provará fraude nas eleições, 'vão vir hackers para mostrar'
Política
Governador entrega obras de UBS, escola e inaugura unidade dos Bombeiros

Mais Lidas

Polícia
Mãe e filha são ameaçadas e têm carro riscado ao pedir para vizinha abaixar o som
Polícia
Pais são presos suspeitos de torturar, abusar e matar filho de 1 ano
Polícia
Funcionária esquece cartão em sacola de roupas e cliente gasta R$ 856
Polícia
Atirador em gol rebaixado faz uma vítima no Moreninhas III