Menu
Busca domingo, 25 de agosto de 2019
(67) 99647-9098
Política

Movimento Direita de SP emite nota de repúdio aos parlamentares do PSL

O movimento paulista também criticou a viagem dos políticos do PSL à China

17 janeiro 2019 - 13h45Da redação

O Direita São Paulo (DSP), movimento político que preza nortear a direita brasileira, emitiu nota de repúdio nesta quinta-feira (17), após a divulgação de que parlamentares do Partido Social Liberal (PSL), estão em viagem na China.

O fato que vem causando um certo “mal estar” entre o próprio partido e críticas geradas por nomes da direita brasileira como o escritor Olavo de Carvalho e até o presidente Jair Bolsonaro, também foi motivo de insatisfação para o movimento que apoiou o PSL.

Conforme a nota a viagem não é oficial, e os parlamentares foram ao país bancados pelo Partido Comunista Chinês, onde estão tratando sobre instalação de tecnologias no Brasil, por uma empresa acusada de espionagem e roubo de propriedade intelectual.

O movimento diz não compactuar com alinhamento com partidos de esquerda e desaprovou a atitude dos políticos do PSL.

Veja a nota na íntegra:

NOTA OFICIAL:

O Direita São Paulo vem a público manifestar o seu repúdio e contrariedade à viagem não oficial à China de alguns Deputados e Senadores eleitos pelo PSL - bancada pelo Partido Comunista Chinês - para tratativas sobre a instalação de tecnologia de reconhecimento facial nos aeroportos brasileiros e em outros locais.

Sabe-se que a empresa responsável por isso, Huawei, é acusada de espionagem e de roubo de propriedade intelectual, de modo que o seu representante já teria sido preso na Polônia, no Canadá e nos Estados Unidos.

Além disso, reiteramos que o Direita São Paulo não compactua com nenhum tipo de alinhamento com partidos de esquerda, tampouco com países dominados por partidos comunistas em que não há democracia e liberdade, como é o caso da China, de modo que repudiamos a atitude amadora dos mencionados parlamentares, sobretudo por terem sido eleitos, em sua maioria, com votos de conservadores.

Por fim, reafirmamos o nosso compromisso com as pautas conservadoras, dentre elas, o alinhamento único e exclusivo com países que primam por democracia e liberdade acima de tudo.

 Paulo, 17 de janeiro de 2019.

A Coordenação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Câmara proporá incentivos fiscais a comerciantes
Política
“Seria um sonho ser prefeito de Campo Grande”, diz Waldeli
Política
Agronegócio não é causador de incêndio, diz Tereza Cristina
Política
Pesquisa mostra David como deputado mais atuante
Política
Avanço histórico - Sancionada lei do Alvará imediato
Política
Bioceânica: "Porta de saída do Brasil para o Futuro”, diz Riedel
Política
Governo estuda enviar Exército para combater queimadas na Amazônia
Política
Noite de homenagens na Câmara Municipal
Política
Barbosinha exige da União investimentos de R$ 89 mi à Segurança de MS
Política
Reinaldo e Bolsonaro são bem avaliados em MS, diz pesquisa

Mais Lidas

Geral
Mulher tem dedo amputado enquanto fazia compras
Fim de Semana
Esquadrilha da Fumaça se apresenta em Campo Grande neste domingo
Polícia
Vídeo - Peão morre após ser pisoteado por touro em rodeio
Esportes
Vídeo- Após capotar no Rally Sertões, Caio Castro tranquiliza fãs