Menu
Busca domingo, 17 de outubro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS outubro21
Agronegócio

Tereza busca solução para problemas dos produtores do nordeste

A ministra aposta no exemplo de Israel, com tecnologia de dessalinização e reuso de água

07 fevereiro 2019 - 17h17Da redação

A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, se reuniu na quarta-feira (6) com o presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária (CNA), João Martins e com o embaixador de Israel no Brasil, Yossi Shelley, para discutir medidas para uso racional da água e tecnologias para a produção agropecuária no semiárido.

Israel é referencia em tecnologia de dessalinização, reuso de água para abastecimento e consumo da população e em agricultura irrigada. Nesse contexto, a idéia é agregar conhecimento, pesquisa e tecnologias produzidas no Brasil e em Israel por meio de um grupo de trabalho que será criado para buscar as melhores soluções aos produtores.

João Martins disse que a CNA tem um projeto com o Ministério da Agricultura para o desenvolvimento do Nordeste. “O desenvolvimento passa, principalmente, por melhorar o abastecimento de água e por levar tecnologia ao pequeno produtor. E o embaixador de Israel colocou à nossa disposição a mais recente tecnologia para proporcionar água a quem não tem água nem para beber”, disse João Martins.

Ao propor a criação de um grupo de trabalho para discutir propostas para desenvolver a produção do semiárido nordestino, o embaixador afirmou que as tecnologias produzidas por Israel de irrigação e uso da água podem ajudar no crescimento do agro brasileiro.

O diretor-geral do Senar, Daniel Carrara, informou que uma das ações do grupo será levar produtores e técnicos para conhecer as tecnologias que podem ser integradas pelos dois países para ajudar no desenvolvimento do Nordeste e gerar rentabilidade ao produtor rural do semiárido. De acordo com Carrara, o encontro entre a ministra e o embaixador foi um importante passo para “institucionalizar a parceria”.

Também participaram do encontro os presidentes das Federações de Agricultura e Pecuária do Amazonas (Faea), Muni Lourenço; da Paraíba (Faepa), Mário Borba; de Pernambuco (Faepe), Pio Guerra; do Rio de Janeiro (Faerj), Rodolfo Tavares; o deputado Arthur Maia (DEM-BA), além de superintendentes e consultores.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Agronegócio
Criação de memorial para vítima da covid-19 tem a aprovação do Senado
Agronegócio
Ciência deve ser acessível a todos os países, diz ministra Tereza Cristina
Política
Vídeo: Tereza Cristina destaca inovação e tecnologia do agro brasileiro na Itália
Agronegócio
Em 11 anos, agro de MS injetou R$ 12 bilhões em áreas agrícolas
Agronegócio
Casos atípicos de "vaca louca" podem impactar exportações de carne do MS
Agronegócio
Tereza Cristina é a nova presidente da Junta Interamericana de Agricultura
Agronegócio
Marcelo Bertoni assume Famasul e ressalta "qualificação"
Agronegócio
Nero no Cerrado: arrendatário é multado em R$ 97 mil por incêndio em pastagem
Agronegócio
Governo de MS consolida normas para segurança de Barragens no estado
Agronegócio
Feira Segura do Senar gerou mais de R$ 40 mil para produtores rurais

Mais Lidas

Cidade
Naufrágio: Sobe para seis o número de corpos encontrados no rio Paraguai
Cidade
JD1 TV: O dia mais atribulado da história
Polícia
Vídeo: Assaltantes "levam bala" de vítima ao tentarem roubar carro
Cidade
"40% da cidade já foi recuperada", diz Marquinhos