Menu
Busca quinta, 28 de maio de 2020
(67) 99647-9098
Cidade

Em Campo Grande, R$ 31 milhões serão investidos em iluminação pública

O plano é garantir que 62% da capital seja iluminada e com lâmpadas de led

24 maio 2019 - 13h15Rayani Santa Cruz, com informações da assessoria

Até maio de 2020, 62% de Campo Grande terá iluminação pública com a instalação de lâmpadas de led. O investimento será de R$ 31 milhões, destes, R$ 25 milhões serão aplicados na compra das lâmpadas e R$ 6 milhões para instalar as 46.250 luminárias.

De acordo com a prefeitura, as lâmpadas de led tele gerenciais, são adaptáveis para a telemetria, que substituirão as que estão em funcionamento que são de vapor de sódio.

Conforme o planejamento elaborado pela Divisão de Iluminação Pública da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos, só para as avenidas de acesso aos bairros e onde há super postes, está programada a compra de 3.750 lâmpadas de 150 w. Atualmente, das 110 mil lâmpadas existentes na cidade, só 16.500 são de led, de 40 e 120 w de potência.

A empresa responsável será a Construtora B&C Ltda com o orçamento de R$ 6.025.757,44, redução de aproximadamente R$ 600 mil sobre o valor de referência (R$ 6,6 milhões).

Segundo o secretário Municipal de Serviços Públicos, Rudi Fiorese, para garantir a qualidade das lâmpadas que serão adquiridas, os participantes tiveram de encaminhar amostras que passaram por rigorosos de testes de especificação técnica e resistência. Uma das exigências é que as lâmpadas tenham garantia de cinco anos, período em que o fornecedor vai arcar com os custos da eventual substituição por queima ou qualquer dano.

O que é a telemetria?

As lâmpadas tele gerenciáveis com telegestão e telemetria, funcionam com um sistema de monitoramento inteligente. E quando estiver implantado vai permitir detectar por computador onde há uma lâmpada queimada, sem precisar de ronda nas ruas ou que o morador tenha que ligar para informar o problema. O contribuinte terá acesso ao sistema de controle da iluminação, podendo relatar via internet qualquer defeito observado.

Cada ponto de iluminação terá um Controlador Outdoor de Luminária (COL) que irá monitorar, controlar e dirigir o reator ou o driver de lâmpadas LED. O sistema permitirá a instalação de câmeras de monitoramento e servirá também para regular o sincronismo de tempo dos semáforos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cidade
Com asfalto e piscinão, recapeamento no Nova Lima entra na reta final
Cidade
Pandemia é o maior problema em MS, mostra pesquisa Ranking
Cidade
Veja os bairros onde o fumacê contra o Aedes Aegypti passará nesta tarde
Cidade
MS teve menos 1.871 crimes nos primeiros quatro meses de 2020
Cidade
Nova Lima começa a receber drenagem para novos 20km de asfalto
Cidade
Barreiras sanitárias da capital terão exames prontos em 10 minutos
Cidade
"Não vamos pagar a folha de julho", diz Pedrossian se ajuda federal demorar
Cidade
Capital terá Refis, sem multa, juros e correção
Cidade
Vídeo - campeonato de pipas gera aglomeração na periferia
Cidade
Sistemas informatizados dão mais segurança ao monitoramento do coronavírus

Mais Lidas

Geral
Há um ano, tragédia que matou o campo-grandense Gabriel Diniz comovia o Brasil
Economia
Governo quer emprestar US$ 4,01 bilhões de bancos internacionais
Justiça
Ary Raghiant Neto será empossado Vice-Presidente do Conselho de Colégios da OAB do Mercosul
Política
“Não entendo o porquê a Energisa questiona a CPI se não existem irregularidades”, diz Orro