Menu
Busca segunda, 21 de setembro de 2020
(67) 99647-9098
Aguas - super banner
Cultura

Cinema d(e) Horror exibe filme 'Anticristo' no Centro Cultural com entrada franca

22 maio 2013 - 11h15Divulgação

O projeto Cinema (d)e Horror exibe nesta quarta-feira (22), às 18h30, na sala Rubens Corrêa do Centro Cultural José Octávio Guizzo, o filme “Anticristo”. A entrada é franca e a classificação é de 18 anos.

Dirigido por Lars Von Trier, “Anticristo” (Dinamarca, Alemanha, França, Suécia, Itália - 2009/109min) conta a história de um casal enlutado que se muda provisoriamente para uma cabana em meio à floresta na busca da superação da perda de um filho morto acidentalmente.

“Eles passam a perscrutar caminhos sinuosos do relacionamento do casal e vão além, em uma terapia que parece dar vazão ao que de pior o ser humano pode conter em si. Tudo isso em meio a uma fotografia densa, carregada em volumes e jogos de cena que ora encantam, ora reprimem o espectador”, explica a professora doutora Rosana Cristina Zanelatto Santos, coordenadora do Cinema d(e) Horror e mediadora dessa sessão.

Segundo Rosana, Anticristo é um filme cuja trama está envolta por uma película sombria, demasiadamente humana, que será desvelada pelo olhar atento daquele que observa e, ao mesmo tempo, é observado. Com personagens que podem ser qualquer pessoa, mesmo um de nós, o filme de Lars Von Trier usa do sonho e do caos para disparar contra o espectador suas próprias emoções.

“Imersos nessa convulsão estão os sonhos do próprio diretor, recentemente abalado por uma forte depressão, que depura seu imaginário por meio da linguagem cinematográfica. A tudo isso, soma-se a luta entre moral e ética, as relações humanas mediadas pelas relações sociais e a constante dúvida sobre o caráter humano, naquilo que contém de mais perverso”, finaliza a mediadora.

O projeto Cinema d(e) Horror está em seu 6º ano. É coordenado pela professora doutora Rosana Cristina Zanelatto Santos, da UFMS e por Carol Sartomen, mestra em Estudos de Linguagens da UFMS.

Geralmente tem duas exibições mensais e conta com a participação de graduandos e mestrandos da área de Letras ou convidados especiais para as exibições e debates de filmes que tratam da categoria "Horror" no plano das artes, contando também com a participação da sociedade campo-grandense.

Serviço
Outras informações podem ser obtidas pelo telefone 3317-1795 ou no Centro Cultural José Octávio Guizzo, que fica localizado na rua 26 de Agosto, 453, entre as ruas Calógeras e a 14 de Julho. A entrada é franca.

Via Notícias MS

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cultura
Acontece hoje a 1ª Parada online da Cidadania e do Orgulho LGBTQIA+/MS
Cultura
Feira Central “ressuscita” apresentações musicais nesta quinta
Cultura
Júlio Cocielo se tornou réu na Justiça de São Paulo sob acusação de racismo
Cultura
"Posso ver meus filhos novamente" diz Wesley Safadão após resultado negativo do exame da covid-19
Cultura
Toots Hibbert, a lenda do reggae, morre aos 77 anos na Jamaica
Cultura
Lives: Maiara e Maraísa e Marcos e Belutti agitam esta sexta
Cultura
DJ Danilo Bachega comemora 25 anos de carreira com remix de Lulu Santos
Cultura
Jads e Jadson fazem live hoje
Cultura
Autocine deste domingo tem atração para criançada e com “A raposa má”
Cultura
Carnaval de Corumbá entra para o calendário oficial de MS

Mais Lidas

Polícia
Filha é arrastada por 50 metros pendurada em carro ao tentar defender a mãe do padrasto
Clima
Casacos leves podem ser úteis nesta segunda que terá miníma de 18°C
Oportunidade
Emprego: Veja as 1.043 mil vagas que a Funtrab oferta nesta segunda
Geral
MS aumenta rigor e autuações contra queimadas já superam ano de 2019