Menu
Busca quarta, 20 de fevereiro de 2019
(67) 99647-9098
Cultura

Marquinhos entrega título de miss e mister indígena

O concurso foi realizado em dezembro e a entrega dos troféus foi nesta terça

29 janeiro 2019 - 11h17Da redação com informações da assessoria

Para promover a cultura indígena e integrar as aldeias urbanas, a Subsecretaria de Defesa dos Direitos Humanos, da Coordenadoria da Comunidade Indígena, promoveu o primeiro Concurso Miss e Mister Indígena da capital.

Nesta terça-feira (29), o prefeito Marquinhos Trad entregou o troféu aos vencedores e falou da importância de promover a cultura. “Hoje, estamos aqui entregando esta premiação, que é muito importante para resgatar e promover a cultura indígena dentro das aldeias urbanas”, afirmou.

Escolhido como mister indígena, Jean Antônio, 18 anos, da Aldeia Marçal de Souza, falou sobre a importância do evento para a promoção da cultura indígena. “Fiquei muito feliz por ter ganhado esse concurso e a importância dele é porque resgata a nossa cultura, que está muito desaparecida ultimamente. Além disso, apresenta a beleza indígena para as pessoas”, disse.

O cacique da Aldeia Marçal de Souza, Daniel da Silva, viu o evento com alegria e se disse satisfeito por ter um representante entre os escolhidos. “Levamos o mister, a Tainá, da comunidade vizinha, levou o miss. Vemos isso com muita importância, porque resgata a autoestima da nossa comunidade. Estamos na cidade, temos situações muito vulneráveis para nossos jovens, e eventos como este que a prefeitura está promovendo dá a oportunidade de manter nossa cultura e divulgar cada vez mais”, afirmou.

Já o cacique José Augusto Limbu, que representou a vencedora Tainá Fonseca, da Aldeia Urbana Estrela do Amanhã, afirmou ser necessário haver eventos como este para promover a cultura indígena. “Nós somos considerados urbanos, embora não deixemos de ser indígena e é muito importante falar da nossa cultura”, concluiu.

O concurso aconteceu no mês de dezembro e participaram três concorrentes para mister indígena e cinco para o miss indígena. O objetivo do evento é promover e resgatar a cultura indígena. Participaram do evento as aldeias Marçal de Sousa, Estrela do Amanhã, Água Funda e Santa Mônica.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cultura
Sem carnaval no interior, Corumbá espera receber 30 mil turistas por dia durante folia
Cultura
TVE retransmite entrevista em homenagem a Dino Rocha
Cultura
Sesc Morada dos Baís terá primeiro grito de Carnaval
Cultura
Unidos da Vila Carvalho homenageia os 50 anos da comunidade em desfile
Cultura
Sesc Cultura terá sessões de cinema com produções de MS
Cultura
Carnaval é lançado oficialmente na sexta-feira
Cultura
Capital sedia festival de Rock 100% dedicado à música autoral local
Cultura
Desfile das escolas de samba será dia 4 e 5 de março
Cultura
Completando 26 anos, bloco “As Depravadas” pede muito amor nesse carnaval
Cultura
Mara Caseiro assume a Fundação Cultura

Mais Lidas

Geral
Imagens fortes: Mulher perde 80% do lábio inferior após ser mordida em briga
Polícia
No centro, homem tenta fotografar partes íntimas de mulher
Polícia
Mulher é espancada após negar manter relações sexuais com marido
Polícia
Em briga na cela, presidiário fura olho de outro