Menu
Busca quarta, 20 de março de 2019
(67) 99647-9098
Geral

Bebê é identificado um mês após tragédia de Brumadinho

Pai e tia também morreram no rompimento da barragem da Vale

28 fevereiro 2019 - 19h58Da redação com Uol

O corpo de Heitor Prates Máximo da Cunha, de um ano e seis meses, foi identificado pela Polícia Civil de Minas Gerais. O bebê está entre os 186 mortos confirmados do rompimento da barragem da Vale, no dia 25 de janeiro, em Brumadinho. Estão desaparecidas 122 pessoas.

Na manhã desta quinta-feira (28), o nome do menino foi incluído na lista divulgada pela Polícia Civil. Conforme o avô da criança, após a identificação, o enterro foi realizado na terça-feira (26).

O pai do bebê Robson Máximo Gonçalves, e a tia Pâmela Prates da Cunha, que morreram na tragédia, também já tiveram os corpos enterrados.

O casal, a criança e Pamela Prates da Cunha, 13 anos, e irmã de Paloma, estavam em casa assistindo televisão no momento em que a casa foi devastada pela lama.

Sesc Novo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Prefeito e governador entregam moradias no loteamento Bom Retiro
Geral
Drogasil e Drogaria São Leopoldo são autuadas pelo Procon
Geral
Superlua poderá ser vista hoje nas américas do Sul e Norte
Geral
Representantes de TV aberta discutem novas tecnologias na Fertel
Geral
DeMolay’s serão homenageados quinta-feira, na Assembleia
Geral
PSDB Mulher cobra posição da bancada feminina no Congresso
Geral
Três vítimas do massacre em Suzano continuam hospitalizadas
Geral
Ex-governador do Paraná, Beto Richa, é preso pela terceira vez
Geral
Mais de três toneladas de materiais são recolhidos em ação contra o aedes
Geral
Estado “bate o martelo” e oito horas volta em 1º de julho

Mais Lidas

Polícia
Orgia em motel vira caso de polícia
Polícia
Imagens fortes - Mais um é executado em menos de 24 horas na fronteira
Polícia
Vídeo - Um morre e outro fica ferido em execução na fronteira
Polícia
Adolescente é estuprada por quatro homens em Aquidauana