Menu
Busca terça, 12 de novembro de 2019
(67) 99647-9098
Governo - Festival America do Sul
Geral

Bebê é identificado um mês após tragédia de Brumadinho

Pai e tia também morreram no rompimento da barragem da Vale

28 fevereiro 2019 - 19h58Da redação com Uol

O corpo de Heitor Prates Máximo da Cunha, de um ano e seis meses, foi identificado pela Polícia Civil de Minas Gerais. O bebê está entre os 186 mortos confirmados do rompimento da barragem da Vale, no dia 25 de janeiro, em Brumadinho. Estão desaparecidas 122 pessoas.

Na manhã desta quinta-feira (28), o nome do menino foi incluído na lista divulgada pela Polícia Civil. Conforme o avô da criança, após a identificação, o enterro foi realizado na terça-feira (26).

O pai do bebê Robson Máximo Gonçalves, e a tia Pâmela Prates da Cunha, que morreram na tragédia, também já tiveram os corpos enterrados.

O casal, a criança e Pamela Prates da Cunha, 13 anos, e irmã de Paloma, estavam em casa assistindo televisão no momento em que a casa foi devastada pela lama.

Athus Ingles

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Águas Guariroba do Fácil Aero Rancho não atende nesta terça-feira
Geral
Refis Natalino irá incluir dívidas deste ano na renegociação
Geral
Assomasul elogia Fundersul
Geral
Sem atrasos e cancelamentos, aeroporto opera normalmente na capital
Geral
Glória Maria passa por cirurgia para retirada de tumor no cérebro
Geral
Ato público contra a liberação do cultivo de cana no Pantanal
Geral
Barbosinha pede redução de taxas de pedágio na BR-163
Geral
Hemosul, com estoques quase zerados, convoca doadores de Campo Grande
Geral
Procon incluirá repúdio à notificação contra Energisa
Geral
Novas regras para aposentadoria começam a valer nesta terça-feira

Mais Lidas

Polícia
Advogado é suspeito de roubo em restaurante da capital
Polícia
Pistoleiros matam pai e tio e deixam bebê baleado
Polícia
Padrasto quebra as duas pernas de bebê de 10 meses
Polícia
Esposa causa acidente com viatura de bombeiro que levava o marido