Menu
Busca quinta, 17 de outubro de 2019
(67) 99647-9098
Geral

Bebê é identificado um mês após tragédia de Brumadinho

Pai e tia também morreram no rompimento da barragem da Vale

28 fevereiro 2019 - 19h58Da redação com Uol

O corpo de Heitor Prates Máximo da Cunha, de um ano e seis meses, foi identificado pela Polícia Civil de Minas Gerais. O bebê está entre os 186 mortos confirmados do rompimento da barragem da Vale, no dia 25 de janeiro, em Brumadinho. Estão desaparecidas 122 pessoas.

Na manhã desta quinta-feira (28), o nome do menino foi incluído na lista divulgada pela Polícia Civil. Conforme o avô da criança, após a identificação, o enterro foi realizado na terça-feira (26).

O pai do bebê Robson Máximo Gonçalves, e a tia Pâmela Prates da Cunha, que morreram na tragédia, também já tiveram os corpos enterrados.

O casal, a criança e Pamela Prates da Cunha, 13 anos, e irmã de Paloma, estavam em casa assistindo televisão no momento em que a casa foi devastada pela lama.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
UEMS e PM realizam primeiro encontro do Proerd
Geral
Economista do agronegócio Geraldo Melo assumirá Incra
Geral
Aeroporto atua sem cancelamentos e atrasos nesta manhã
Geral
PIS/Pasep: Caixa e BB começam nova fase de pagamento
Geral
Criança tem parte do pênis amputado em cirurgia de fimose
Geral
Prevenção ao abuso sexual infantil se torna lei nas escolas da capital
Geral
Vídeo - Léo Santana é barrado na Smart Fit da capital
Geral
Vídeo - Negligentes, motociclistas aumentam número de vítimas no trânsito
Geral
UEMS abre incrições de concurso para vagas de nível médio e superior
Geral
Aprovados no processo seletivo para merendeiros são convocados

Mais Lidas

Geral
Vídeo - Léo Santana é barrado na Smart Fit da capital
Política
Sem André, MDB deve minguar em 2020
Polícia
Cansada de agressões, mulher mata e arranca o pênis do marido
Polícia
Homem comete triplo homicídio porque teriam zombado da "coragem" dele