Menu
Menu
Busca domingo, 21 de julho de 2024
TJMS Jul24
Geral

Em entrevista, Longen se diz "a disposição de qualquer controle"

"Todos os projetos foram pagos com recursos do departamento nacional", diz Longen

19 fevereiro 2019 - 18h10Marcos Tenório    atualizado em 19/02/2019 às 19h07

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso do Sul (Fiems), Sérgio Longen, defendeu que 100% dos projetos executados entre 2010 a 2014, foram licitados, aprovados pelos órgãos de controle e executados na sua totalidade.

Longen recebeu a imprensa nesta tarde para esclarecer a ida da Polícia Federal à Casa da Indústria. Segundo o presidente, os agentes da PF foram até o 3º andar, na controladoria e levaram cópias de projetos, auditorias e contratos das licitações que originaram a contratação, em um pendrive. “Todos os projetos foram pagos com recursos do departamento nacional”, reforçou.

Os projetos alvos da investigação são: "Cine Sesi", "Ponta da Língua", "Fito" (Festival Internacional de Objetos), "Fábrica Verde", "Em Nome da Cidade" e "Arte no Canteiro". Em alguns casos, como o do "Cine Sesi", são quatro etapas investigadas, o que totalizaria 11 projetos ao todo.

Contratação dos projetos

Longen revelou que a contratação dos projetos foi em concorrência aberta e, dos 11 projetos, três empresas executaram os trabalhos. O instituto Origami, o IMDC (Instituto Mineiro de Desenvolvimento) e o IPCB (Instituto de Produção Cultural Brasileiro).

O presidente ainda ressaltou que 100% dos recursos vieram do departamento nacional. "Todos os projetos foram objetos de auditoria do departamento nacional, que foi quem repassou os recursos e pelos órgãos de controle CGU e o TCU", dclarou Longen.

Questionado sobre o endereço que a PF realizou buscas, Longen disse que o imóvel pertence à sua ex-esposa, e não sabe o que a Polícia teria ido fazer lá.

Longen falou que tem uma área no Sesi que contrata, e são projetos tanto de área social quanto projetos de obras que são realizados no estado inteiro, ele afirmou que “são áreas técnicas que são contratadas pelo sistema Fiems”. 

Sérgio Longen revelou que não tem conhecimento sobre quem faz parte do IPCB. O presidente da Fiems falou que são empresas que realizaram serviço no estado, elas foram licitadas, e executaram o serviço, mas não sabe se é de empresa familiar ou não.

No fim da coletiva, Longen falou que permanece a disposição das autoridades para esclarecer qualquer dúvida em relação aos projetos, e que “da nossa parte tudo foi feito com lisura”, encerrou.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Bombeiros restaram jiboia e gambá dentro de máquinas de lavar
Geral
Jiboia e gambá são resgatados escondidos dentro de máquinas de lavar roupas
Bora tentar a sorte? Mega-Sena sorteia R$ 53 milhões neste sábado
Geral
Bora tentar a sorte? Mega-Sena sorteia R$ 53 milhões neste sábado
Festival Vida Animal: Evento da Superintendência de Proteção Animal acontecerá em agosto
Geral
Festival Vida Animal: Evento da Superintendência de Proteção Animal acontecerá em agosto
Apresentar e dono do SBT, Silvio Santos
Geral
Médicos decidem manter Silvio Santos internado
Imagem Ilustrativa
Geral
Gabinete de Segurança emite alerta com orientações sobre apagão cibernético
Hospital São Julião, em Campo Grande
Geral
São Julião elege diretoria hoje
Motoristas podem ter vínculo empregático com os apps
Geral
Além de bancos, Uber também apresenta instabilidade nesta sexta-feira
Nhaum: Jornalista é mordido ao vivo em reportagem de cão alvo de ameaças; vídeo
Geral
Nhaum: Jornalista é mordido ao vivo em reportagem de cão alvo de ameaças; vídeo
Bilhete de aposta da Mega-Sena
Geral
Mega-Sena acumula mais uma vez e prêmio atinge R$ 53 milhões
Palco Giratório apresenta "Nuvem de Pássaros" no Glauce Rocha nesta sexta (19)
Geral
Palco Giratório apresenta "Nuvem de Pássaros" no Glauce Rocha nesta sexta (19)

Mais Lidas

Aeroportos, como o de Madri, na Espanha, foram os locais mais afetados com o apagão
Geral
Apagão cibernético 'para o mundo' e deixa bancos, aeroportos e serviços inoperantes
A nova edição será neste sábado (20), em Campo Grande
Comportamento
'Desapega Campo Grande' vai reunir mais de 100 expositores com peças a partir de R$ 1
Reprodução/Instagram
Esportes
Dispensado pelo Athletico, Bruninho Samudio assina com o Botafogo
Hospital São Julião, em Campo Grande
Geral
São Julião elege diretoria hoje