Menu
Busca sexta, 18 de junho de 2021
(67) 99647-9098
FIEMS - julho21
Geral

Na Câmara, mototaxistas pedem regulamentação de motoristas de aplicativos

Os trabalhadores se reuniram na Praça do Rádio e seguiram até a Câmara Municipal

12 fevereiro 2019 - 10h33Rayani Santa Cruz e Joilson Francelino

Aproximadamente cem mototaxistas protestaram na manhã desta terça-feira (12), pela regulamentação municipal para motoristas de aplicativos em Campo Grande. Eles se reuniram na Praça do Rádio Clube por volta das 8h da manhã e seguiram de moto para a Câmara Municipal.

O mototaxista Juliano Ferreira, 42 anos, disse ao JD1 Notícias que a regulamentação dos motoristas de aplicativos é essencial. “Houve um aumento excessivo de motoristas e esses também devem pagar impostos e cumprir regras que os mototaxistas e taxistas cumprem para trabalhar”, destacou. Outra reivindicação é para uma melhor estrutura em pontos de bases. “Nós queremos coberturas, tem lugares que o trabalhador não agüenta”, ressalta Juliano.

Para o presidente do Sindicato dos Mototaxistas de Campo Grande (Sindmototaxi), Dorvair Boaventura de Oliveira, não dá pra fazer o mesmo serviço com duas classes, "uma regulamentada e outra fazendo de qualquer jeito”. “O que estamos querendo é proteger o usuário. Proteger os trabalhadores e regulamentar o serviço para todos, não queremos impedir ninguém de trabalhar, queremos que exerçam a atividade regulamentada, como é feito com o taxi, mototaxi, transporte coletivo e seja também, regulamentado serviço por aplicativo, pedimos a Câmara uma resolução para que venha um projeto de lei que regulamenta um serviço”, disse o presidente ao destacar que a situação está prejudicando todo o setor de transporte e a população campo-grandense.

Atualmente, Campo Grande conta com 1800 mototaxistas e 80% deles são filiados ao Sindimototaxi. Mototaxista há 18 anos, Manoel Gildo, soma ao clamor da classe. “Um mototaxista gasta R$ 2,500 para rodar regularmente e queremos que os motoristas de aplicativos também contribuam com impostos”, pontuou.

Vai di Vinho

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Bolsonaro volta a MS no final do mês
Geral
Ex-diretora do Regional, Rosana Melo assume secretaria do Ministério da Saúde
Geral
Sectur abre inscrições para Curso de Mosaico
Geral
Jovem de 27 anos morre após complicações da Covid-19
Geral
Cultura lamenta morte de Lincoln Gouveia
Geral
Atenção: Licenciamento de veículos com placas 3 e 4 vence neste mês
Geral
Cantor de reggae, Lincoln Gouveia é encontrado morto
Geral
Motorista não vê cavalo solto na pista e atropela animal na MS-134
Geral
Capital retoma vacinação de pessoas com 49 anos e D2 da Coronavac nesta sexta
Geral
103 relógios da Energisa já podem ser periciados

Mais Lidas

Polícia
Tio engravida sobrinha de 13 anos e tia tenta fazer aborto, mas criança nasce
Geral
Ciclista morre ao ser atropelado voltando do serviço
Geral
Agente penitenciário é mais uma vítima da Covid-19 na capital
Polícia
Pastor preso por estupro de adolescentes, já foi detido por violência doméstica