Menu
Busca sexta, 24 de maio de 2019
(67) 99647-9098
Internacional

Militares bloqueiam ponte entre Venezuela e Colômbia

O bloqueio dificulta a ajuda humanitária vinda de outros países

15 fevereiro 2019 - 09h33Da redação com informações da Agência Brasil

Militares reforçam uma espécie de bloqueio na ponte fronteiriça entre Venezuela e Colômbia. A ação ocorre no momento do impasse entre o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, e o interino, Juan Guaidó. O interino promove uma campanha internacional para angariar ajuda humanitária.

Porém, com o bloqueio, a dificuldade para o ingresso de doações aumenta. De acordo com informações da Andina, agência pública de notícias do Peru, há contentores na ponte Tienditas, que liga os locais de Cúcuta, na Colômbia e Urena, na Venezuela.

Na semana passada, a estrada havia sido bloqueada com um tanque de combustível e dois contêineres. A ajuda humanitária foi enviada por alguns países para Cúcuta a pedido de Guaidó.

Maduro nega que promova um bloqueio na região e diz que a ação é de proteção contra eventual intervenção militar liderada pelos Estados Unidos.

Fac Feijoada 2019

Deixe seu Comentário

Leia Também

Internacional
Brasileiros morrem em acidente com gás no Chile
Internacional
Peão de MS vence rodeio nos EUA
Internacional
Ônibus de turismo foi atingido por bomba, no Egito
Internacional
Papa diz que liberdade de imprensa é vital
Internacional
Cristina Kirchner anuncia candidatura à vice-presidência da Argentina
Internacional
Por engano, funcionário serve vinho de 5.100 euros a clientes
Internacional
“Ser presidente foi um milagre”, diz Bolsonaro ao receber prêmio
Internacional
Prefeito de Dallas recusa-se a dar as boas vindas a Bolsonaro, segundo Veja
Internacional
Morre deputado argentino que sofreu ataque a tiros em Buenos Aires
Internacional
Imagem forte - Homem tenta se suicidar e arranca o próprio olho

Mais Lidas

Geral
Bosque dos Ipês terá exposição de animais marinhos de dez metros
Polícia
Homem bêbado pede para descansar e morre no sofá do vizinho
Clima
Temperatura volta a cair nesta quarta-feira, em Mato Grosso do Sul
Polícia
Massacre deixa seis mortos na fronteira