Menu
Busca segunda, 21 de setembro de 2020
(67) 99647-9098
Aguas - super banner
Política

Delcídio e Dagoberto lideram com folga

25 julho 2010 - 09h12
Delcídio do Amaral tem ampla margem, pois chega a 49%, muito acima de todos os seus concorrentes. Já Dagoberto Nogueira parece ter sentido pouco o episódio em que esteve correndo risco de não ser candidato por problemas judiciais. Superado isso, ele tem, segundo a pesquisa Correio do Estado/IBRAPE, publicada ontem, a bela marca de 41%, e venceria se a eleição fosse hoje. Atrás de Dagoberto vêm os dois candidatos ligados a situação, o vice-governador Murilo Zauith que tem 24%, e o deputado Waldemir Moka que atingiu 23% e já é ameaçado por Zauith como o nome forte da coligação governista. Os candidatos Jorge Batista e Washington têm 2%. Brancos e nulos 20% e não souberam 39%. O instituto entrevistou 1.119 eleitores entre os dias 15 e 18 de julho em todo o Estado. A pesquisa está registrada sob o número 23860/2010, no Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Nova pesquisa deve ser divulgada em agosto.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Nelsinho convida Araújo para dar explicações sobre visita de Pompeo à fronteira
Política
Capital já tem registro de 4 candidatos à prefeitura
Política
OAB de MS não assinou apoio a presidente nacional
Política
Por unanimidade relatório de prosseguimento de impeachment de Wilson Witzel é aprovado
Política
Coronel David critica vídeo onde grupo joga futebol com "cabeça de Bolsonaro"
Política
Carlos e Eduardo Bolsonaro são intimados pela PF a depor sobre atos antidemocráticos
Política
Conheça os pré-candidatos à prefeitura, definidos em convenções
Política
Partidos têm até hoje para definir candidatos
Política
Adriane segue vice de Marquinhos para reeleição
Política
Soraya diz que não apoiará Trutis; deputado “agradece”

Mais Lidas

Esportes
Covid-19: com seis infectados, Flamengo encara Barcelona-EQU nesta terça
Polícia
Acusado de esturpo coletivo é executado na rua após ganhar liberdade
Geral
Carlito Nahas, o “Papai”, morre de coronavírus
Polícia
"Depois do amém", cinco crentes são atropelados por motorista bêbado