Menu
Menu
Busca quarta, 24 de julho de 2024
Secovi - Julho24
Saúde

Aedes aegypti: região da UBSF Alves Pereira terá 100% dos imóveis vistoriados

O objetivo é reduzir os índices de infestação e consequentemente os casos das doenças transmitidas pelo mosquito

27 janeiro 2019 - 07h36Da redação com informações da assessoria    atualizado em 27/01/2019 às 11h33

A partir da próxima terça-feira (29) mais de 30 agentes comunitários de saúde e de combate a endemias estarão mobilizados em uma força-tarefa para vistoriar 100% dos imóveis da região da UBSF Alves Pereira. A área da unidade apresentou o maior índice de infestação para o mosquito Aedes aegypti,conforme o último LiRaa divulgado esta semana pela Coordenadoria de Controle de Endemias Vetoriais (CCEV). O objetivo é reduzir os índices de infestação e consequentemente os casos das doenças transmitidas pelo mosquito.

Nesta semana os servidores que estarão envolvidos neste trabalho passaram por uma capacitação conduzida pela de Educação em Saúde e gerentes técnicos da coordenadoria para definir o plano de trabalho e ações integradas, além de receberem orientações para aumentar a efetividade do rastreamento e eliminação dos depositos e potenciais criadouros do mosquito.

Segundo a supervisora técnica do CCEV, Josiane Abregos, a ação irá abranger 5.078 imóveis dos bairros  Colibri, Alves Pereira, Naschiville, Vila Antunes e adjacentes. O trabalho deve se estender durante toda a semana e os agentes serão divididos em equipes que irão percorrer as áreas divididas por quarteirão.

“O objetivo é visitar casa por casa e, além de orientar o morador sobre a necessidade dos cuidados para evitar a proliferação do mosquito, será feito o tratamento e remoção dos grandes depositos e materiais inservíveis, além da identificação e eliminação de focos”, diz.

Os imóveis que eventualmente estiverem fechados com ausência momentânea do morador deverão ser visitados em um segundo momento em data ainda a ser definida.

Reportar Erro

Deixe seu Comentário

Leia Também

Pronto Atendimento Infantil está no Centro Regional de Saúde, localizado no Bairro Tiradentes
Saúde
Pronto Atendimento Infantil no Tiradentes tem atendido 100 crianças por dia
Ministério da Saúde
Saúde
Ministério da Saúde retoma obras em Mato Grosso do Sul
Ilustrativa
Cidade
Prefeitura de Campo Grande oferece R$ 250 mil para programa de castração de animais
O participante deve, obrigatoriamente, portar jaleco
Saúde
Prova do 'Revalida' para médicos ocorre neste fim de semana
Vacina contra a covid
Saúde
Shopping e mercado: veja onde se vacinar neste sábado na Capital
Hospital Regional de Mato Grosso do Sul
Saúde
Funsau convoca mais 20 enfermeiros para o Hospital Regional
Capital tem plantão de vacinação em shoppings no fim de semana
Saúde
Capital tem plantão de vacinação em shoppings no fim de semana
Teste de Covid-19
Saúde
Covid-19 em MS: sem mortes pela quarta semana, Estado tem queda nos casos
Hospital Regional de Mato Grosso do Sul
Saúde
MP quer pormenores sobre Hospital Regional
Saúde e Bem-Estar: Dr. Paulo André apresenta perspectivas para o Servan
Saúde
Saúde e Bem-Estar: Dr. Paulo André apresenta perspectivas para o Servan

Mais Lidas

Sala de atendimento da DEPCA
Polícia
Adolescente é esfaqueado pela mãe e fica com as vísceras expostas na Capital
Kauã morreu horas após dar entrada no hospital
Polícia
Adolescente esfaqueado pela própria mãe morre em hospital de Campo Grande
Escola Sesi oferta 104 vagas de gratuidade integral na educação básica
Educação
Escola Sesi oferta 104 vagas de gratuidade integral na educação básica
Lulu Oliveira
Comportamento
Aos 41 anos, Lulu Oliveira representará MS no Miss Universo Brasil 2024