Menu
Busca segunda, 18 de outubro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS outubro21
Polícia

Em 2018, PMA aplica R$ 710 mil em multas

Foram autuadas 70 pessoas ao todo por crimes de maus-tratos, tráfico, caça e criação ilegal

11 fevereiro 2019 - 13h54Da redação com assessoria

A Polícia Militar Ambiental (PMA) previne e reprime o tráfico de animais silvestres, a caça ilegal e os maus-tratos à fauna silvestre, doméstica, domesticada e exótica e, principalmente, efetivando a prevenção, por meio da Educação Ambiental. Além disso, protege a fauna nos perímetros urbanos, realizando capturas e orientando à população.

Captura de animais em 2018 - No ano passado (2018), Policiais Militares Ambientais do Estado capturaram 1.393 animais silvestres nos perímetros urbanos. Uma diminuição de 20% com relação ao ano de 2017 (1.742). Isso dá uma média de 3,8 animais capturados diariamente. Os principais animais capturados são aves.

Autuações relativas à fauna em 2018 - Em 2018 foram autuadas 70 pessoas em R$ 710.000,00 por crimes contra a fauna, entre maus-tratos, tráfico, caça e criação ilegal, conforme descrições à seguir:

Maus-tratos a animais 2018 - Com relação aos maus-tratos, no ano de 2018, foram 21 pessoas autuadas, número 72% inferior a 2017, quando foram autuadas 75 pessoas. Os valores de multas foram de R$ 485.000,00, número 69,60% menor do que no ano de 2017, que foram de R$ 1.595.700,00.

Tráfico de animais silvestres 2018 - No ano de 2018, foram oito (8) pessoas autuadas e apreendidos ao todo, 143 animais, sendo tudo ave. Desses, 98,60% foram papagaios, com 141 animais apreendidos. A quantidade foi 72,5% inferior a 2017, quando foram apreendidos ao todo, 521 animais, sendo tudo ave. Desses, 66,22% foram papagaios, com 345 animais apreendidos. A quantidade de filhotes de papagaios apreendidos em 2018 foi 59,13% inferior a 2017. Os valores de multas aplicados em 2018 foram de R$ 145.000,00, número 50% inferior ao ano de 2017, quando foram aplicados R$ 290.000,00 em multas.

Caça a animais silvestres 2018 - Apesar de não ser preocupante, foram 30 pessoas autuadas por caça ilegal em 2018, número 14,2% inferior às autuações em 2017, quando foram 35 autuados. Foi aplicado um valor de R$ 51.460,00 em 2018 e R$ 116.000,00 em 2017. Os valores de multas foram 55,6% menores em 2018, com relação a 2017.

Animais silvestres criados ilegalmente em cativeiro - Com relação à criação ilegal de animais silvestres, no ano passado foram 11 pessoas autuadas, número inferior ao ano de 2017, quando foram autuadas 18 pessoas. Foram aplicadas multas que perfizeram o valor de R$ 29.000,00, número também inferior a 2017, em que o valor foi de R$ 51.500,00. Ressalta-se que esse número não envolve animais apreendidos pelo tráfico. Não havia comércio, mas somente a criação. Foram apreendidos 53 animais em 2018 e 91 em 2017, a maioria aves.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Durante operação veículo é apreendido com drogas em Bataguassu
Polícia
Dois pescadores são presos pela PMA e atuados em R$ 2,6 mil
Polícia
Homem é encontrado morto com bilhete "Matei três meninas inocentes"
Política
Após tentar retirar galhos do telhado, idoso cai e morre no hospital
Polícia
Adolescente é preso com drogas no interior do Estado
Polícia
Homem é agredido após cobrar por conserto de cerca elétrica
Polícia
Homem é ferido na cabeça na própria casa no bairro Taquarussu
Polícia
Vídeo: Assaltantes "levam bala" de vítima ao tentarem roubar carro
Polícia
No amor e no crime: casal que furtava casa é preso em flagrante em Dourados
Polícia
PMA prende e autua comerciante em R$ 5,8 mil por pesca ilegal

Mais Lidas

Cidade
Naufrágio: Sobe para seis o número de corpos encontrados no rio Paraguai
Cidade
JD1 TV: O dia mais atribulado da história
Polícia
Vídeo: Assaltantes "levam bala" de vítima ao tentarem roubar carro
Cidade
"40% da cidade já foi recuperada", diz Marquinhos