Menu
Busca quinta, 21 de março de 2019
(67) 99647-9098
Cultura

Com homenagem a Marielle Franco, Mangueira conquista carnaval no Rio

Escola recontou a história do Brasil a partir de heróis negros e índios

07 março 2019 - 18h00Marcos Tenório com informações do G1

Pela 20º vez, a Mangueira é a grande campeã do carnaval 2019 do Rio de Janeiro. A escola recontou a história do Brasil a partir de heróis negros e índios. Falou da viúva de Marielle Franco, vereadora do PSOL morta em março do ano passado.

Para conquistar o seu 20º título, a Mangueira deu uma aula de história na Sapucaí. Mas foi uma história alternativa, com destaque para heróis da resistência negros e índios em vez dos personagens tradicionais das páginas de livros escolares.

O enredo “História pra ninar gente grande” foi assinado pelo carnavalesco Leandro Vieira e contado em 24 alas e cinco alegorias. Em busca do título, a Mangueira exibiu uma bandeira do Brasil com as cores da escola no final do desfile.

"A gente passou a mensagem que a gente queria, não só pro Brasil, mas para o mundo inteiro, a valorização da nossa raça, os verdadeiros desbravadores deste país", comemorou a rainha de bateria Evelyn Bastos, destacando que a escola exaltou a história do povo negro.

O carnavalesco Leandro Vieira, que conquistou o segundo campeonato da sua carreira, também celebrou a vitória. "A Mangueira merece esta festa. A Mangueira é uma escola que faz carnaval para representar uma comunidade importante.

A Mangueira liderou a disputa de ponta a ponta. A escola e a Viradouro tiveram uma competição apertada nos primeiros três quesitos, mas, a partir do quarto, de alegorias e adereços, a Mangueira assumiu a primeira posição sozinha até o final da apuração das notas.

A escola verde e rosa apenas perdeu três décimos durante toda a apuração, mas estas notas mais baixas foram descartadas na pontuação final.

No ano passado, a Mangueira ficou em 5º lugar, com um samba-enredo que exaltou a simplicidade do carnaval. A campeã foi a Beija-Flor. A última vez que a verde e rosa levou o troféu foi em 2016, quando homenageou a cantora Maria Bethânia.

Com a vitória neste ano, a Mangueira chegou ao seu 20º título no carnaval do Rio de Janeiro, apenas dois a menos que a maior campeã, a Portela.

Sesc Novo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cultura
Em duas semanas, Top Circo leva mais de mil pessoas a espetáculo
Cultura
Sesc Morada tem samba, rock e MPB nas noites de happy hour
Cultura
Noite cultural na Esplanada Ferroviária lança semana do artesão
Cultura
Sesc Cultura terá estúdios de pintura e cerâmica
Cidade
Paróquia São José comemora 70 anos com quermesse e noite italiana
Cultura
Sesc Cultura tem cinema gratuito nesta semana
Cultura
Sesc promove oficina de arte contemporânea e cinema para crianças
Cultura
Pela 1º vez, a Mancha Verde é campeã do carnaval de SP
Cultura
Carnaval 2019: Vila Carvalho é a campeã
Cultura
Sesc terá samba e show especial em homenagem ao Dia da Mulher

Mais Lidas

Geral
Drogasil e Drogaria São Leopoldo são autuadas pelo Procon
Geral
"5º Costelão do Cotolengo Sul-Mato-Grossense" acontece em abril
Oportunidade
Prefeitura abre concurso com salário de R$ 10 mil
Polícia
Por conta de som alto, briga entre vizinhos termina com um baleado