Menu
Busca segunda, 20 de maio de 2019
(67) 99647-9098
Política

"Turma da China" queria antecipar passaportes vermelhos

Passaporte vermelho é disponibilizado para autoridades brasileiras, incluíndo políticos

28 janeiro 2019 - 18h52Da redação

Ao menos os deputados federais eleitos no pleito de 2018, na qual se incluía o deputado Loester Gomes de Souza, conhecido como Tio Trutis, tentaram antecipar o passaporte diplomático, conhecido também como "passaporte vermelho", para a viagem à China.

A “Turma da China” era composta por parlamentares eleitos pelo DEM e PSL e foi criticada pelo filósofo de direita, Olavo de Carvalho. A informação da tentativa frustrada de usar o passaporte vermelho foi publicada no jornal O Estado de São Paulo desta segunda-feira (28). Confira:

Fac Feijoada 2019

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Blal Dolloul, de MS, está entre os dez candidatos à PGR
Política
Coronel David pede reparo em câmeras de rodovia
Polícia
Ministério do Desenvolvimento libera R$ 581 mil para Coronel Sapucaia
Política
Projeto alternativo na Previdência é apenas "ruído", afirma Marinho
Política
Azambuja viaja à Brasília para debater FCO
Política
Nesta semana, aposentadoria de professores e policiais entra em discussão na Câmara
Política
PSD municipal terá Antônio Lacerda no comando
Política
Homem se joga na frente de caminhão e morre em rodovia
Política
Em reunião, parlamentares estudam o não fechamento de comarca
Política
Advertência de Barbosinha

Mais Lidas

Polícia
Travesti é encontrada morta na madrugada deste domingo
Cidade
Inscrições para sorteio de apartamentos na capital encerram terça-feira
Polícia
Troca de tiros termina com homem morto e PM ferido
Educação
Estão abertas as Inscrições para o Encceja